PUBLICIDADE
Topo

Atriz recebe R$ 168 milhões por dano cerebral ao comer um pretzel

Chantel Giacalone - Reprodução/Instagram
Chantel Giacalone Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para Splash, em São Paulo

12/04/2021 15h55

A atriz Chantel Giacalone, conhecida pela franquia "Efeito Borboleta", e sua família foram indenizadas em US$ 29,5 milhões (R$ 168 milhões) pelos danos cerebrais sofridos por ela após comer um pretzel nos bastidores de um desfile, segundo noticias do Las Vegas Review-Journal.

O caso aconteceu há 8 anos, em 2013, quando Giacalone tinha apenas 27 anos e foi vítima de um choque anafilático, que fez com que ela perdesse a fala e todos os movimentos de seu corpo. Hoje em dia, ela só se comunica com os olhos.

"Pelo menos teremos como cuidar da minha filha. Fico feliz por isso", desabafou o pai da atriz, após a divulgação do veredicto.

O advogado dela explicou que a atriz ficou muitos minutos sem receber oxigênio no cérebro por atraso no atendimento dos funcionários da MedicWest, empresa que estava responsável por prestar serviços de primeiros socorros no desfile.

Chantel participava do desfile no Mandalay Bay South Convention Center quando, durante o intervalo, ela mordeu o pretzel que resultou no choque anafilático.

A defesa da modelo ainda expôs que os dois médicos que estavam no local na hora do incidente não deram tratamento adequado para reações alérgicas e também não tinham acesso aos medicamentos necessários naquele momento.

Já os advogados de defesa da empresa MedicWest disseram que o estado de saúde de Chantel era irreversível e nem a empresa e nem os médicos que estavam lá tinham culpa, pois já não podiam fazer mais nada.

Jack Giacalone, pai da atriz comemorou a indenização e falou que irá investir o dinheiro para comprar uma casa adequada, e melhorar a estrutura de cuidados para filha.

A atriz, que trabalhou em "Efeito Borboleta 3", também tem na carreira curta séries como "Jon Benjamin Has a Van", "Skyler" e "Hollow Walls".