PUBLICIDADE
Topo

Justiça ordena despejo da ex-mulher de João Gilberto por falta de pagamento

Pai da Bossa Nova, João Gilberto morreu aos 88 anos; Maria do Céu mora em apartamento no Leblon - AFP
Pai da Bossa Nova, João Gilberto morreu aos 88 anos; Maria do Céu mora em apartamento no Leblon Imagem: AFP

De Splash, em São Paulo

06/04/2021 15h17Atualizada em 06/04/2021 17h23

O juiz Paulo Roberto Campos Fragoso, da 3ª Vara Cível do Rio, ordenou o despejo contra Maria do Céu Harris, ex-mulher do cantor e compositor João Gilberto, morto em julho de 2019.

A justiça ordenou o "despejo por falta de pagamento cumulado com cobrança" ao endereço localizado na na rua Carlos Goés, no bairro do Leblon, Rio de Janeiro.

A sentença diz que o imóvel foi locado desde a morte do cantor por Isabel Gilberto de Oliveira, filha de João. Atualmente, Maria do Céu mora no local.

"A permanência de Maria do Céu Harris no imóvel descumpre as cláusulas contratuais e ocorre sem aquiescência da locadora", afirma o documento, que pede a saída de Maria considerando "a grave situação que se encontram o espólio e os herdeiros".

O despejo deve ser voluntário em até 15 dias e, a partir do prazo, compulsório.

Isabel deve pagar os débitos até os 120 dias após a notificação.