PUBLICIDADE
Topo

Luis Lobianco estrela nova peça e celebra: 'Nunca me coloquei no armário'

Luis Lobianco estrela 'Macbeth 2020', novo filme-teatro
Luis Lobianco estrela 'Macbeth 2020', novo filme-teatro
Anaxi Altamiranda/Divulgação

Daniel Palomares

De Splash, em São Paulo

26/03/2021 04h00

A pandemia já dura mais de um ano, mas o show não pode parar. Artistas como Luis Lobianco precisaram de criatividade para se reinventar em tempos difíceis, mas é daí que nascem as grandes ideias. O ator estreia hoje em "Macbeth 2020", uma releitura cômica do clássico de Shakespeare.

O filme-teatro foi gravado no palco com recursos de cinema e ficará disponível 24 horas por dia a partir de hoje até o dia 30 de maio no Youtube, com acesso por um link gratuito. O projeto, além de divertir, também ajudou a manter o equilíbrio do ator que completa 40 anos em 2022.

Continua depois da publicidade

Eu estava em 2020 isolado e preocupado em casa com o rumo do meu trabalho. Fui convidado para um espetáculo que me instigou muito, foi importante para minha saúde mental. Os desafios foram trabalhar remotamente e fazer com que o conteúdo teatral não ficasse monótono. Bebemos muito do audiovisual.

Apesar do tom sombrio e trágico da peça original, a "Macbeth" de Lobianco será subvertida em humor. "Dá para fazer Shakespeare de qualquer jeito porque é atemporal", opina o ator. "'Macbeth' é muito sangrenta, mas nós vamos fazer humor a partir disso."

vffdfvf - Anaxi Altamiranda/Divulgação - Anaxi Altamiranda/Divulgação
Luis Lobianco
Imagem: Anaxi Altamiranda/Divulgação

Homofobia

Desde que tornou público seu relacionamento com o pianista Lúcio Zandonadi, Lobianco passou a ser atingido por comentários e ofensas homofóbicas. Mas o ator festeja que ele e outros tantos artistas estejam abrindo espaço para que essas questões sejam discutidas e combatidas.

A gente chega na vida adulta e vê que normalizou muita coisa errada. Hoje, discutimos mais sobre isso. Eu sou de uma geração que não me via na televisão. As pessoas como eu não podiam se expressar. Elas eram retiradas ou rotuladas para sempre. Temos que naturalizar nossa presença e seguir atentos.

Continua depois da publicidade

Juntos há quase nove anos, Lobianco e Lúcio vivem em sintonia total. "Somos uma dupla de vôlei de praia!", brinca o ator. "Estamos sempre atentos, um levanta e o outro corta, quando um faz besteira, o outro aponta. Temos um ritmo parecido. Gostamos das mesmas coisas. É uma história que deu certo!"

O ator ainda celebra que as novas gerações se sintam ainda mais livres para se expressarem e viverem sua verdade, mas não esconde que o mundo ainda pode ser bastante fechado e 'careta' para artistas LGBTQ+.

Ainda tem muita caretice. Tenho total consciência de que deixei de pegar algumas publicidades porque nunca me coloquei num armário. Ou então as marcas querem que você seja uma bandeira ambulante. Não abro mão do que eu acredito e estou muito feliz com o alcance do meu trabalho.

Futuro

Lobianco ainda colhe os louros do sucesso de "Carlinhos e Carlão", filme da Amazon Prime, lançado no ano passado. Além de fazer rir, o longa também reforça a importância do combate à homofobia e a violência que pessoas LGBTQ+ precisam enfrentar,

Continua depois da publicidade

O retorno do filme é enorme, é emocionante. É incrível, todo mundo quer a continuação e esse é um projeto. Eu tenho consciência que o lugar que eu ocupo inspira muita gente. Pessoas que ouvem "não" o tempo todo. Por muito tempo, eu acreditei nos que me diziam não.

rgefdefd - Instagram/paulogustavo31 - Instagram/paulogustavo31
O humorista Paulo Gustavo foi internado com Covid-19. Ele está no hospital, no Rio de Janeiro,
Imagem: Instagram/paulogustavo31

Além da continuação do filme, Lobianco também trabalha em um novo programa na Globo, sobre o qual ainda não pode dar grandes detalhes. O ator aguarda ansioso pelo fim da agonia causada pela covid-19 e torce pela recuperação do amigo Paulo Gustavo.

Eu estou muito confiante e sinto que as pessoas mais próximas do Paulo também estão. O coração está apertado, mas a nossa fé tem que ser maior. A gente sabe hoje que o vírus está mais agressivo, pode recontaminar. Só vou ficar mais tranquilo quando todos tiverem tomado a vacina.