PUBLICIDADE
Topo

Elliot Page fala de mastectomia e diz que 'sempre se sentiu homem'

Elliot Page posa para matéria da revista TIME - Reprodução
Elliot Page posa para matéria da revista TIME Imagem: Reprodução

De Splash, em São Paulo

16/03/2021 10h22

Elliot Page está pronto para "ser quem ele é por inteiro". Em sua primeira entrevista desde se assumir publicamente como um homem transgênero, concedida à revista Time, o ator falou das reações à sua revelação e contou ainda que fez a mastectomia, cirurgia de retirada dos seios.

[O procedimento] não só mudou minha vida, como salvou minha vida. Eu passava tanto tempo e gastava tanta energia me sentindo desconfortável com o meu corpo, e agora tenho essa energia de volta."
Elliot Page sobre a mastectomia

Elliot frisa, no entanto, que nem todas as pessoas transgênero sentem a necessidade de realizar cirurgias, ou tem os meios financeiros para tal.

O ator disse que estava se recuperando da mastectomia quando fez a postagem no Instagram em que pedia ao público para se referir a ele pelo "novo" nome, usando pronomes masculinos ou neutros.

Eu estava esperando receber muitas mensagens de apoio e amor, mas também muita transfobia. E foi exatamente isso que aconteceu. Pessoas extremamente influentes estão por aí espalhando mitos e argumentos nocivos sobre pessoas trans, questionando a nossa existência. Nós somos muito reais."
Elliot Page sobre reação a sua 'saída do armário'

Por falar no nome escolhido por ele, trata-se sim de uma homenagem a "E.T. o Extraterrestre" (1982). À Time, Elliot disse que sempre gostou do nome: "É um dos meus filmes favoritos, e eu cresci querendo ser como os meninos dos meus filmes favoritos".

'Sempre me senti homem'

Elliot também se abriu sobre sua infância na entrevista, dizendo que "sempre se sentiu homem" — mas que a carreira em Hollywood o obrigou a esconder isso por muito tempo.

Eu queria ser um menino. Sempre perguntava à minha mãe se eu poderia ser um garoto um dia. [...] Mas me tornei ator profissional aos 10 anos de idade, e isso significava ter um visual específico. Por muito tempo, era insuportável olhar para fotos minhas. Eu simplesmente não me reconhecia. [...] Mas como eu poderia explicar para as pessoas que, mesmo sendo um ator, algo tão simples quanto vestir uma camiseta feita para mulheres me fazia mal?"
Elliot Page sobre carreira na atuação

A decisão de se assumir, de certa forma, foi um produto da quarentena. Elliot está passando o período de isolamento ditado pelo coronavírus sozinho, uma vez que ele e a ex-mulher, Emma Portner, se separaram no meio de 2020 e finalizaram o divórcio este ano.

Eu tive muito tempo sozinho para focar em coisas que, antes, eu estava evitando, mesmo que de forma inconsciente. Finalmente consegui aceitar que sou transgênero. [...] As pessoas se apegam a essas ideias firmes [de gênero] porque é seguro, mas o mundo seria melhor se pudéssemos simplesmente celebrar as complexidades de cada um."
Elliot Page sobre decisão de se assumir trans