PUBLICIDADE
Topo

Luísa Sonza sobre ser mulher: 'Julgada pelo simples fato de existir'

Luísa Sonza faz desabafo no "Dia da Mulher" - Imagem: Reprodução/Instagram@luisasonza
Luísa Sonza faz desabafo no 'Dia da Mulher' Imagem: Imagem: Reprodução/Instagram@luisasonza

Colaboração para o Splash, em São Paulo

08/03/2021 09h06

Hoje, Dia Internacional da Mulher, encorajou a muitas mulheres falarem sobre o que sentem. Uma delas, foi Luísa Sonza. A cantora, que já enfrentou diversas situações machistas - e continua enfrentando - concedeu uma entrevista à Revista Quem, onde abriu o coração e falou sobre as dificuldades que passou durante sua trajetória e os ataques recebidos após terminar seu casamento com Whindersson Nunes.

Atualmente com 22 anos, Luísa ficou famosa muito nova, ainda na adolescência. Tudo começou na internet, quando ela fazia covers de músicas de sucesso e e com o tempo, ganhou seu espaço e se tornou uma das cantoras mais famosas do Brasil. Acontece que, nem todos enxergam dessa maneira. Sonza foi casada com o humorista Whindersson Nunes, que na época em que ela estourou, ele já era muito famoso por conta de seus shows de humor e seu canal no YouTube.

Alguns haters chegaram a dizer que a artista 'pegou carona' no sucesso do humorista. A situação só piorou depois que ela e o comediante se separaram - Luísa recebeu diversos ataques que diziam que ela se 'aproveitou' da identidade do ex-marido para conseguir o que queria, e quando conseguiu, terminou a relação.

Hoje, a loira namora com o cantor Vitão e Whindersson, está noivo de Maria Lina, que está esperando seu primeiro herdeiro. Durante a entrevista, Luísa Sonza relembrou o quanto sofreu com as ameaças e ataques recebidos:

"No começo foi bem difícil, eu vim de uma cidade pequena onde todos me conheciam e com a internet, vi várias pessoas falando de mim, me criticando, sem ao menos saberem quem eu era ou minha história. Aos poucos, entendi que era um problema muito maior, com raízes sociais e que eu era apenas um exemplo. Entendi que o hate diz muito mais dessas pessoas do que sobre mim", disse.

A gaúcha ainda ressaltou que "ser mulher é ser julgada pelo simples fato de existir".

A loira também disse que se sente feliz em saber que inspira outras mulheres, pois ela também se inspirou em personalidades para se tornar quem é:

"Para mim é uma grande responsabilidade e uma causa [feminismo] que defendo com unhas e dentes. Tem muitas mulheres que me inspiram e que me fizeram evoluir de alguma maneira. E hoje, poder fazer parte desse movimento, me deixa feliz. Juntas somos mais fortes e temos um lindo e brilhante caminho pela frente", afirmou.

Por fim, Luísa enxerga toda a sua trajetória como uma vitória e se sente muito grata por chegar onde chegou com o suor do seu trabalho:

"Gratificante! Eu trabalho desde muito nova. Foram anos de muita luta, mas graças a Deus sempre tive um apoio muito incrível da minha família, que é sempre tão presente. Claro que não foi fácil, passei por muitas coisas e evoluí muito! Chegar até aqui e conquistar tanta coisa que sonhava lá atrás é muito massa! Sem dúvida, fico feliz com minhas conquistas e sigo batalhando para atingir mais e mais espaços. Há muito ainda a conquistar e estou semeando para colher mais pra frente", finalizou.