PUBLICIDADE
Topo

Gravação de clipe de rap termina em tiroteio e três baleados em Atlanta

Gravação de clipe de rap termina em tiroteio nos EUA - Reprodução/Twitter
Gravação de clipe de rap termina em tiroteio nos EUA Imagem: Reprodução/Twitter

Colaboração para o UOL, em São Paulo

22/02/2021 18h23

A gravação de um clipe dos dos rappers Roddy Ricch e 42 Dugg terminou em tiroteio no último domingo (20) na cidade de Atlanta, nos EUA.

Três pessoas ficaram feridas, de acordo com a WSB-TV. Duas das vítimas foram atingidas por balas e uma terceira de raspão.

Segundo a polícia, o tiroteio começou em um ferro-velho na rua Wells, em Atlanta.

Os policiais foram acionados no local por volta das 16h e encontraram a primeira vítima, Peter Cook, 39, que foi atingido apenas por estilhaços de bala e está estável.

Antoine Blake, 25, and Vernon Moulder, 29, foram baleados e levados ao hospital Grady Memorial. Ambos estão estáveis.

Uma testemunha afirmou que cerca de 50 pessoas estavam participando da gravação do clipe, que utilizava o ferro-velho como cenário. De repente, a equipe foi surpreendida por um tiroteio.

Uma médica que estava trabalhando na medição de temperatura da equipe de filmagem, na prevenção contra o novo coronavírus, precisou socorrer os feridos de bala.

"Todo mundo saiu correndo ou tentou se esconder", disse a médica Teresa Lakes. "Tentei verificar se todos os feridos de bala estavam bem. Estou aliviada que não foi pior, poderia ter sido muito pior", disse.

Um homem de 40 anos ainda foi detido por porte de drogas no meio da confusão, mas segundo a polícia, ele não era o atirador.

A polícia ainda investiga os suspeitos envolvidos no tiroteio.