PUBLICIDADE
Topo

'Conto de Aia' e Jamiroquai: as referências da invasão do Capitólio nos EUA

"The Handmaid's Tale"
"The Handmaid's Tale"
Divulgação

Mari Monts

De Splash, em São Paulo

07/01/2021 12h48

A invasão de apoiadores de Donald Trump no Congresso americano ontem, que deixou quatro mortos, pareceu cena de filme e fez a gente associar com algumas referências da cultura pop.

Será que foi assim que Gilead, a nação autoritária da série "The Handmaid's Tale" ("O Conto de Aia"), surgiu?

Continua depois da publicidade

Começando pela série que foi inspirada no livro de Margaret Atwood, "O Conto de Aia" mostra o mundo distópico da República de Gilead, antigo Estados Unidos, em que a nação autoritária e cristã foi construída após um atentado terrorista ao Pentágono, à Suprema Corte americana e ao Capitólio.

A gente já viu isso antes... E não acabou bem!

Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Assustador, né?

Na série, o golpe suspende a Constituição americana, e Gilead surge com uma sangrenta ditadura, em que mulheres são tratadas como propriedades.

A invasão ao Capitólio teve uma figura como símbolo: o homem com o rosto pintado com as cores da bandeira dos Estados Unidos, que usava um gorro de pelos e um chifre na cabeça. A imagem te remete a alguma banda?

Que tal o Buffalo Man, que ilustra os álbuns do Jamiroquai?

Continua depois da publicidade

Álbum "Emergency on Planet Earth", da banda Jamiroquai, de 1993

Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Show? Acho que não...

O nome da banda britânica pipocou nos assuntos mais comentados do Twitter por causa dessa comparação.

Mas claro que tiveram fãs do Jamiroquai que não curtiram essa referência! Nem mesmo o Jay Kay, vocalista da banda, que usou suas redes sociais para dizer que esse com certeza não é o seu público. Além disso, o músico pediu para seus fãs ficarem seguros.

Continua depois da publicidade

Eles avisaram!

De novo, né, gente? Mais uma vez um grande acontecimento foi previsto pelos "Simpsons". Um episódio que foi ao ar em novembro nos Estados Unidos, chamado "Treehouse of Horror XXXI", mostrava um cenário apocalíptico no país em janeiro de 2021.

O episódio incentiva os eleitores da trama a votarem nos EUA, mas Homer Simpson acaba dormindo no dia da votação e só acorda em janeiro, com o caos instaurado.

Será que o Gusttavo Lima está bem?

A mansão do cantor em Goiás, que é comparada com a arquitetura da fachada do Congresso americano, ou qualquer palácio pomposo, virou meme nas redes sociais.

Continua depois da publicidade

Gusttavo Lima entrou na zoeira e respondeu os fãs no Twitter:

"Acordei e fiquei sabendo que invadiram minha casa, SOS".

Até o Batman?

O herói da DC também viralizou, isso porque um dos apoiadores de Trump estaria fantasiado com os trajes do morcego. Mas o vídeo que circulou nas redes sociais não foi da invasão de ontem, e sim de um protesto contra o racismo que aconteceu no ano passado na Filadélfia.

Apesar das comparações e até dos memes para dar uma descontraída, é necessário lembrar que o assunto é de extrema seriedade.

Aqui, você acompanha os desdobramentos da invasão no Congresso americano.