PUBLICIDADE
Topo

Giulia Be mira carreira internacional e sonha com música com Ed Sheeran

Cantora lançou primeiro feat em outubro, ao lado de Luan Santana - Bernie Walbenny/Divulgação
Cantora lançou primeiro feat em outubro, ao lado de Luan Santana Imagem: Bernie Walbenny/Divulgação

Do UOL, em São Paulo

03/01/2021 09h57

Giulia Be passou a virada do ano no México. Não apenas para celebrar o Réveillon, mas também para divulgar gravações "para algumas TVs e rádios locais". Ao jornal O Dia, a cantora se disse "muito ansiosa" com os primeiros passos em sua carreira internacional.

"Sempre foi um grande sonho conhecer o México", contou. "Surgiu a oportunidade de fazer promoção de 'Inolvidable' para algumas TVs e rádios locais. Depois, feita a quarentena necessária, irei para Miami, também a trabalho, para a criação de novas músicas em inglês e espanhol, além de encontros com amigos e possíveis colaboradores. Claro, tudo será feito se os órgãos de saúde permitirem", explicou, em referência aos protocolos de combate à pandemia do novo coronavírus.

A canção em questão é uma versão em espanhol de "Inesquecível" seu primeiro feat —a parceria com Luan Santana foi lançada em outubro. Agora, ela sonha alto com mais trabalhos conjuntos.

"Meu maior sonho é escrever uma música com o Ed Sheeran. Já pensou?", pergunta, aos risos.

"Além dele, encontro hoje —principalmente no âmbito latino— artistas que me despertam muita admiração, como a Rosalía e o Bad Bunny. Fora todos os artistas aqui no Brasil também. Seria incrível escrever uma sofrência com a Marília (Mendonça), ou uma linda canção com o Caetano (Veloso)."

Feliz com a repercussão de suas músicas em países como Portugal, Argentina, Colômbia, Chile, Uruguai, México e Guatemala, Giulia Be reforça o desejo por sucesso internacional.

"Já tenho conversado com alguns artistas de fora sobre possíveis colaborações, assim como também tenho agradecido muito a Deus por toda a inesperada repercussão das minhas músicas em outros países", contou a cantora, indo além.

"O mais incrível de tudo isso, para mim, são as mensagens e comentários em redes sociais de pessoas do mundo inteiro que, às vezes, mesmo sem me entender, me apoiam em tudo. Isso só confirma que cada vez mais, muito por conta do streaming e de outras maravilhas da internet, as barreiras estão caindo na música, que caminha para um futuro mais múltiplo e globalizado. É muito gratificante ver sua música ultrapassar fronteiras."