PUBLICIDADE
Topo

CCXP Worlds: Um guia para você aproveitar ao máximo o evento virtual

Beatriz Amendola

De Splash, em São Paulo

04/12/2020 19h28

Começou hoje a CCXP Worlds, a edição virtual da nossa CCXP, que vai até domingo (6).

Dessa vez, em vez de percorrer toda a extensão do São Paulo Expo, a gente tem que percorrer um grande ambiente virtual. E a palavra-chave, aqui, é paciência.

Entrando no site

Parece simples, mas é uma etapa que, neste primeiro dia, apresentou dificuldades (e lentidão) para alguns usuários —eu inclusa. Não consegui usar a plataforma no Chrome, então baixei o Opera GX, um navegador otimizado para jogos.

(Mas muita gente aqui na redação conseguiu usar o Chrome, então se é o seu caso, tá tudo bem!)

Quando você entra no site, a primeira tela que você vê é essa aqui:

tela inicial ccxp worlds - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

Para facilitar a navegação, vá lá no canto esquerdo e desabilite a opção "mapa 3D". E se você estiver com saudades da música tema da CCXP, é só ir lá do lado e ligar o som (mas ele também pode deixar as coisas um pouco mais travadas).

Agora, vamos explorar as principais áreas:

Thunder Arena

É onde acontecem os maiores painéis do evento. Hoje, por exemplo, ele começou com Neil Gaiman, o homenageado deste ano.

Para a transmissão, foi montado um ambiente virtual que se assemelha a uma arena. Fica assim:

Neil Gaiman no auditório virtual da CCXP Worlds - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

No entanto, teve muita gente que experimentou dificuldades na transmissão do painel de Gaiman, como demora para carregar imagem e som. No Twitter, a organização o do evento disse que teve problemas técnicos, que já foram resolvidos.

Se você estiver tendo problemas, uma alternativa pode ser a página da CCXP no Facebook, por onde os principais painéis também estão sendo transmitidos.

Aliás, entrou em um painel e está sem som?

Clique em cima do vídeo para ativar o som!

Hollywood Strip

É a área que reúne estúdios e canais, como Amazon Prime Video, Warner Channel, Globoplay, HBO e Universal Pictures.

Alguns deles têm links para sites fora da plataforma da CCXP, onde você pode encontrar joguinhos divertidos para você se distrair, como o AMC e o Prime Video, que fez uma espécie de "onde está wally?" com suas produções.

Game do Amazon Prime Video para a CCXP - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

Artist's Valley

É a encarnação virtual do Artist's Alley, aquele espaço em que vários quadrinistas e ilustradores expõem seus trabalhos. Ele tem nada menos do que 589 mesas virtuais, então é preciso paciência para ver tudo o que te interessa —mas é também uma boa oportunidade de conhecer artistas novos e comprar seus trabalhos.

O que não funcionou tão bem, pelo menos até o momento de publicação este texto, é a busca por tags. O termo "baby yoda", por exemplo, não traz nenhum resultado, mas se você digitar só "Yoda", você vai ver vários artistas que fizeram artes da criaturinha que conquistou nossos corações em "The Mandalorian".

Há ainda uma programação de lives, com painéis bem interessantes. Vale a conferida.

Creators and Cosplay Universe

É um ambiente que também traz uma programação própria de lives e shows. Neste primeiro dia, passam por lá nomes como Sarah Oliveira, Blogueirinha, Lorelay Fox, Choque de Cultura e o Massacration.

Masterclasses

A CCXP ainda tem várias masterclasses que acabaram um pouco escondidas, com temas como roteiro e bastidores. Para encontrá-las, vá para a tela inicial, clique no Artist's Valley ou no Creators and Cosplay Universe e role a barra que aparece à direita até o fim. Clique no "Masterclass" que aparece lá no cantinho.

Assim:

Menu para encontrar a masterclass na ccxp - Reprodução - Reprodução
Imagem: Reprodução

E as lojinhas?

Se você está interessado em compras, é no Geek Hall que você precisa ir. Passe pelas fileiras dos "destaques" e das "galerias de vídeos" e vá direto para onde está escrito "marcas".

É lá onde estão lojas oficiais como a da Warner e a da HBO, por exemplo, e a Harry Potter Store, sempre um hit da CCXP. A ordem em que as lojas estão listadas não é alfabética, e pode mudar, então a nossa dica é que você sempre abra a loja do seu interesse em outra aba. Usar a busca para encontrar aquela que você quer também vai facilitar a sua vida.

Precisa de paciência, mas tem alguns achadinhos muito interessantes — incluindo edições autografadas da HQ "Dois Irmãos", por exemplo.

E fica a dica: se você gosta de colecionáveis, há um ambiente todo dedicado à Iron Studios, onde você encontra figuras de até R$ 1.299,99.

Mas voltando ao Geek Hall: Sabe quem está lá? Nós de Splash!

Você pode entrar lá e ler alguns dos textos que produzimos.