PUBLICIDADE
Topo

Aos 93, Cid Moreira lembra gagueira e volta à rádio: 'Vou chegar aos 140'

Cid Moreira
Cid Moreira
Divulgação

Felipe Pinheiro

De Splash, em São Paulo

30/11/2020 12h46

Cid Moreira, 93 anos, realiza o sonho de voltar a trabalhar com rádio. O novo desafio profissional do primeiro âncora do "Jornal Nacional" começa amanhã com o lançamento da Rádio Conhecer, que será transmitida on-line.

Agora, Cid tem a oportunidade de retornar às origens e onde tudo começou.

É como se eu estivesse renascendo. Eu me sinto emocionado como da primeira vez que entrei na rádio com 17 anos.

Cid Moreira

Continua depois da publicidade

Por falar em voltar às origens, Cid lembrou que lá no início, ainda em Taubaté, no interior de São Paulo, ele era muito tímido e sofria de gagueira. Splash perguntou se ele já teve medo de perder a voz que o tornou conhecido em todo Brasil e como cuida das cordas vocais.

Na época da rádio eu tinha um pote de madeira minúsculo e colocava sal. Sempre pediam uma pitadinha de sal grosso. Não deu certo.

Olha só o Cidão no início da rádio!

Ele, então, adotou outra alternativa -- também sem sucesso:

Conversando com uma grande cantora, Elizeth Cardoso, ela falou, 'me dou bem com cravo da Índia'. Ficava soltando aquele gostinho. Sabe o que ganhei? Uma tremenda de gengivite. Aí mudei. Hoje uso o gengibre.

Continua depois da publicidade

Mulher do locutor, a jornalista Fátima Sampaio disse que o marido — com quem é casada há 20 anos — só perdeu a voz uma única vez. Ela brinca:

A única vez que ele perdeu a voz foi quando me conheceu.

Fátima Sampaio e Cid Moreira estão isolados na região serrana do Rio na quarentena - Reprodução/ Instagram - Reprodução/ Instagram
Fátima Sampaio e Cid Moreira estão isolados na região serrana do Rio na quarentena
Imagem: Reprodução/ Instagram

Com muito orgulho do marido, Fátima se lembra que chegou a ouvir comentários desagradáveis:

"Falavam, é muito velha para ele. Ele vai ter que cudiar dela, não vai ser fácil. É uma parceira linda, maravilhosa. Existem muitas coisas bonitas e estamos tentando fazer isso através da rádio".

Cid contou que ainda menino ajudava o pai a trabalhar em um clube no interior e que trabalhar sempre fez parte da sua vida.

O trabalho sempre me motivou e continua motivando. Quando ofereceram essa oportunidade, eu vibrei. Se continuar assim vou chegar até os 140.

Continua depois da publicidade

Cid tem um propósito ainda maior. Como locutor da Bíblia, sua voz alcançou novos públicos e ele revela uma promessa que fez:

Eu me sinto realizado como ser humano, profissional. Estou vivendo essa fase. Escrevi: Há 25 anos levo notícias nem sempre boas que procuro amenizar com um boa noite, mas a partir de agora quero levar o evangelho ate o último dia da minha vida. Estou investindo não só em mim, mas em todos nós.

Na Rádio Conhecer, Cid Moreira será o locutor principal. A grade da rádio será recheada com música e intercalada com programas curtos de três minutos sobre temas diversos, como astronomia e até engenharia.

A mulher do locutor também terá um programa, que se chamará "Crônicas da Vida".

Resolvi contar as histórias de infância, de como encontrei o Cid e as que encontramos no caminho. Pode ser uma história bonita, triste, dura, mas é interessante que escutem histórias dos outros. É tão humano, parte do cotidiano do outro. Como o medo do Cid quando gaguejava no início da profissão.