PUBLICIDADE
Topo

'Ninguém Tá Olhando': Série cancelada ganhou o Emmy e merece ser vista

Victor Lamoglia é Uli em 'Ninguém Tá Olhando'
Victor Lamoglia é Uli em 'Ninguém Tá Olhando'
Divulgação

Beatriz Amendola

De Splash, em São Paulo

24/11/2020 04h00

"Ninguém Tá Olhando" levou ontem o prêmio de melhor série de comédia no Emmy Internacional, apesar de ter sido cancelada pela Netflix em sua primeira temporada.

A verdade é que a produção criada por Daniel Rezende ("Bingo: O Rei das Manhãs") foi injustiçada, e merece muito ser vista.

Aqui, te contamos o porquê e sem spoiler:

Continua depois da publicidade

Uma comédia diferente

A série parte de uma premissa bem diferente das suas colegas brasileiras na Netflix: ela gira em torno de Uli (Victor Lamoglia), um angelus (favor não confundir com anjo) que acabou de ser criado e começa a questionar as regras do sistema angelical.

Isso leva, claro, a muitas trapalhadas —e muitas questões existenciais.

Kéfera Buchmann e Victor Lamoglia em Ninguém Tá Olhando - Aline Arruda/Netflix - Aline Arruda/Netflix
Kéfera Buchmann e Victor Lamoglia em Ninguém Tá Olhando
Imagem: Aline Arruda/Netflix

Uma mitologia própria

"Ninguém Tá Olhando" faz um ótimo trabalho de construir uma mitologia própria, onde os angelus trabalham como em uma repartição pública: há muitos relatórios a serem preenchidos, muitas regras a serem cumpridas, e o chefe? bem, o chefe é assunto para um texto com spoilers.

Continua depois da publicidade

Fora isso, os angelus da série são responsáveis por aquilo que, no dia a dia, parece sorte: uma vela que cai, mas se apaga, ou aquele momento providencial em que você sai de um lugar pouco antes de algo cair bem onde você estava...

Quem nunca, né?

Mas a série é engraçada?

Sim! Além de bem produzida, a série diverte bastante e tem tiradas ótimas. E acredite: as aventuras de Uli enquanto tenta navegar pelas regras celestiais e pelas regras dos humanos rendem ótimas risadas.

E o elenco?

Os atores de "Ninguém Tá Olhando" também estão afinadíssimos! Além de Victor Lamoglia como Uli, temos também Kéfera como Miriam, uma humana por quem ele se apaixona, e Júlia Rabello e Danilo de Moura, que se destacam como Greta e Chun, dois angelus veteranos.

Continua depois da publicidade

Aquele gancho do final?

Não vamos dar spoiler aqui, mas uma coisa temos que dizer: a série termina com um gancho que pede uma segunda temporada, além de várias situações a serem resolvidas. A Netflix podia ajudar a gente nisso, né?

Será que agora vai?

Falando com nosso colunista Roberto Sadovski, há algumas semanas, Daniel Rezende disse que achava improvável a série ganhar uma segunda temporada, a não ser no caso de uma vitória no Emmy, que se confirmou.

Vamos ficar torcendo aqui!