PUBLICIDADE
Topo

Stycer: 'Impacto cultural da série Watchmen transcende o entretenimento'

Cena da série 'Watchmen'
Cena da série 'Watchmen'
Divulgação

Colaboração para Splash, em São Paulo

26/09/2020 04h00

A cerimônia de entrega do Emmy, principal prêmio da TV americana, que aconteceu no último domingo (20), é um dos temas do podcast UOL Vê TV #45, com Chico Barney, Débora Miranda e Mauricio Stycer (assista no vídeo abaixo a partir de 33:27).

Continua depois da publicidade

Os apresentadores relembraram suas séries favoritas. Débora, por exemplo, é fã de "Gilmore Girls" desde sempre.

Já "Schitt's Creek", que levou sete prêmios, ainda não é muito conhecida por aqui...

Os apresentadores explicam: "Ninguém conhecia porque a série é canadense. Foi um fenômeno parecido com 'Breaking Bad', que no início passava no AMC e tinha fã-clube pequeno. A Netflix comprou as primeiras temporadas e a série foi descoberta."

Continua depois da publicidade
Breaking Bad - Divulgação - Divulgação
Elenco de Breaking Bad
Imagem: Divulgação

"Watchmen", exibida pela HBO, levou quatro prêmios e mereceu comentários elogiosos dos apresentadores do podcast.

O impacto cultural de 'Watchmen' transcende o entretenimento

Mauricio Stycer

Além de ser eletrizante, a série trata de um massacre racista que ocorre em Tulsa em 1921. "Isso não é devidamente contado como deveria ter sido. Por causa da série, não só o assunto foi revivido como houve mudança na legislação do estado para incluir no ensino obrigatório", diz Stycer.

É o gibi que mudou a história dos gibis. O criador, Alan Moore, é completamente maluco

Chico Barney, colunista de Splash

Continua depois da publicidade

Você pode ouvir o programa UOL Vê TV no Spotify, no Apple Podcasts ou em outros aplicativos de podcasts. No Youtube, a gravação do programa também é transmitida em vídeo.