PUBLICIDADE
Topo

Safadão acusa Mileide de expor o filho a festa de Halloween 'inapropriada'

Wesley Safadão e Mileide Mihaile
Wesley Safadão e Mileide Mihaile
Reprodução/Instagram/Montagem UOL

Felipe Pinheiro e Flávio Ismerim

De Splash, em São Paulo

23/09/2020 15h37

A treta entre Wesley Safadão e sua ex-mulher, a empresária e influenciadora Mileide Mihaile, ganhou mais um capítulo. Depois de uma longa disputa judicial envolvendo a guarda do filho e o valor da pensão alimentícia, o cantor agora resolveu processar a mãe de seu filho.

Continua depois da publicidade

Safadao entregou uma notícia-crime contra Mileide na Delegacia de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente alegando que ela expôs Yhudy, de 9 anos, a um ambiente inapropriado durante a festa de Halloween dada pela influenciadora no ano passado.

Não era, de forma alguma, apropriado para crianças, pois, além de estar sendo oferecida bebida alcoólica, estava tocando músicas de cunho pejorativo e danças sensuais - restando claramente que era um lugar para maiores de 18 anos, e não para menores incapazes.

Wesley Safadão brinca com o filho Yhudy pouco antes de cantar à bordo do cruzeiro WS On Board - Flávio Moraes/UOL - Flávio Moraes/UOL
Wesley Safadão brinca com o filho Yhudy pouco antes de cantar à bordo do cruzeiro WS On Board
Imagem: Flávio Moraes/UOL

De acordo com O Dia, a denúncia inclui fotos e vídeos da festa que mostram o consumo de bebida alcoólica e incluem imagens de Yhudy vestido do personagem Coringa segurando uma arma na mão em alusão aos filmes.

Procurada por Splash, a defesa Mileide Mihaile afirma que já prestou esclarecimentos à Justiça e deixou claro que acha a acusação "descabida e esdrúxula". A influenciadora disse que estranha a acusação de Safadão e cita que Yhudy frequenta eventos semelhantes com a família do cantor.

Continua depois da publicidade

Mileide afirma nunca ter imaginado que uma festa com o tema Halloween, tão popular entre crianças e jovens, pudesse ser convertida em uma situação negativa.

Sobre as bebidas, ponto destacado no processo, Mileide esclarece que, no ambiente, também estavam presentes os pais das crianças, por isso a oferta desses itens, que aconteceu, claro, de forma monitorada e limitada aos adultos.

Por fim, ela relata que se surpreendeu com a postura de Safadão — que, segundo ela, teria levantado uma disputa banal e prejudicado a relação entre as duas famílias. Segundo Mileide, a situação estava apaziguada até então.

Também procurado por Splash, Wesley Safadão não se manifestou até o momento

Continua depois da publicidade

O cantor acusa Mileide de infringir o ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente), especificamente o artigo 232. "Submeter criança ou adolescente sob sua autoridade, guarda ou vigilância a vexame ou a constrangimento". Se condenada, a influenciadora pode pegar pena de até dois anos de detenção.