PUBLICIDADE
Topo

Chris Rock: Obama presidente marcou progresso para brancos, não para negros

Ator Chris Rock
Ator Chris Rock
Mario Anzuoni

De Splash, em São Paulo

18/09/2020 18h38

O comediante Chris Rock afirmou em entrevista para o NYT que a chegada de Barack Obama como presidente dos Estados Unidos, em 2009, marcou um progresso para a população branca, e não para a negra.

Segundo ele, o caso é semelhante ao de Jackie Robinson — o primeiro jogador afro-americano da liga de baseball.

"Obama entrando para a presidência é um progresso para os brancos. Não é um progresso para os negros. É o que houve com Jackie Robinson. Está escrito como se ele tivesse quebrado uma barreira, como se não houvesse pessoas negras que pudessem jogar antes dele."

Continua depois da publicidade
Joe Biden e Barack Obama na Casa Branca em novembro de 2015 - Reprodução - Reprodução
Joe Biden e Barack Obama na Casa Branca em novembro de 2015
Imagem: Reprodução

"E é assim que os brancos aprendem sobre o racismo. Eles acham que, quando essas pessoas [negras] trabalharem duro o suficiente, serão como Jackie."

Para o ator, a narrativa deveria ser que os negros estão sendo abusados por um grupo de pessoas com "deficiência mental".

"E estamos tentando fazer com que eles superem suas deficiências mentais para ver que todas as pessoas são iguais", disse.

Chris Rock não vê a humanidade progredindo em superar o racismo como o esperado e usou outro exemplo, desta vez sobre violência doméstica, para fortalecer sua ideia.

"Se uma mulher está em um relacionamento abusivo e seu marido para de espancá-la, você não diria que ela fez progressos, certo? Mas é isso que fazemos com os negros. Dizem constantemente que estamos progredindo. O relacionamento em que estamos — o casamento arranjado em que estamos — é que estão nos agredindo menos."