PUBLICIDADE
Topo

Diana Rigg ignorava diretor e gravava quando queria, contam colegas de GoT

Diana Rigg como Olenna Tyrell em 'Game of Thrones'
Diana Rigg como Olenna Tyrell em 'Game of Thrones'
Reprodução

De Splash, em São Paulo

17/09/2020 14h29

O elenco e a equipe de "Game of Thrones" têm muitas histórias para contar sobre Diana Rigg, a intérprete de Olenna Tyrell na série, que morreu na semana passada aos 82 anos de idade — por exemplo, você sabia que ela sempre ignorava as orientações de diretores, e só gravava quando "estava a fim"?

Continua depois da publicidade

De acordo com uma das histórias do livro de bastidores "Fire Cannot Kill the Dragon", ainda inédito nas livrarias, Rigg deixou o diretor Mark Mylod "morrendo de vergonha" quando ele tentou dar uma orientação a ela na primeira cena que fizeram juntos.

Eu pedi para ela fazer algo bem pequeno. Eu disse: 'Talvez ficasse bom se você fechasse a porta e desse alguns passos antes de falar isso'. Ela me respondeu que não fazia sentido nenhum, e depois falou: 'Obrigado! Agora vá embora!'. Eu me tornei um menino de cinco anos, corando e voltando para o meu lugar atrás da câmera, sem nenhuma autoridade."
Mark Mylod sobre primeira cena com Diana Rigg

Jessica Henwick, a intérprete de Nymeria Sand em "Game of Thrones", se lembrou de outra cena em que Rigg entrou no set pronta para gravar, fazendo com que a equipe se apressasse para montar o cenário e a câmera antes do previsto.

Ela chegou e disse: 'Estou preparada!'. Um cameraman falou a ela que a cena não estava pronta. Ela o interrompeu e disse: 'Rode a câmera'. Então ela começou a gravar suas falas, deve ter feito dois takes. Daí o cara disse para ela que queria fazer um close. Ela se levantou da cadeira e falou: 'Não, eu terminei!'"
Jessica Henwick sobre cena com Diana Rigg

Continua depois da publicidade