PUBLICIDADE
Topo

Mauricio Stycer

Globoplay exibe "O Fogo da Paixão", versão latina de "Amores Roubados"

O elenco da minissérie "O Fogo da Paixão", versão da brasileira "Amores Roubados" - Divulgação
O elenco da minissérie "O Fogo da Paixão", versão da brasileira "Amores Roubados" Imagem: Divulgação
Mauricio Stycer

Mauricio Stycer é jornalista desde 1985. Repórter e crítico do UOL, colunista da Folha de S.Paulo, passou por Jornal do Brasil, Estadão, Folha, Lance!, Época, CartaCapital, Glamurama Editora e iG. É autor de "Topa Tudo por Dinheiro - As muitas faces do empresário Silvio Santos" (editora Todavia, 2018).

Colunista do UOL

27/10/2020 06h01

Fabrizio, um sommelier de café, se envolve com três mulheres ao mesmo tempo. Duas são grandes amigas, ambas casadas com homens poderosos, e a terceira é filha de uma delas. A história destes três romances e o caos que produz na vida de todos é o tema de "O Fogo da Paixão", minissérie em língua espanhola que o Globoplay lança nesta terça-feira (27).

Achou este enredo familiar? Sim, é a mesma história de "Amores Roubados", minissérie de George Moura, dirigida por José Luiz Villamarim, que a Globo exibiu com grande sucesso em janeiro de 2014 e que também está disponível no Globoplay.

"O Fogo da Paixão" (originalmente, "Jugar Con Fuego") foi produzido pelo Telemundo, um canal em língua espanhola nos Estados Unidos, em parceria com a Globo. A série contou com supervisão do autor e do diretor de "Amores Roubados", e inclui um ator brasileiro, Marcelo Serrado, no elenco.

"Foi uma experiência inédita para todos nós. A supervisão do roteiro e a supervisão artística foi realizada por nós e tínhamos a palavra final sobre a série, junto a Telemundo. Revisei todos os capítulos com reuniões periódicas em Miami e também na Colômbia, onde fomos acompanhar parte das filmagens", contou Moura em entrevista divulgada pela emissora.

Amores Roubados - Divulgação - Divulgação
Isis Valverde e Cauã Reymond em cena da minissérie "Amores Roubados"
Imagem: Divulgação

A série brasileira trazia Cauã Reymond como Leandro, sommelier de vinhos em uma cidade à beira do rio São Francisco. Filho de uma prostituta, Carolina (Cássia Kis), ele volta à cidade de Sertão, onde se envolve com Celeste (Dira Paes) e Isabel (Patricia Pillar), mulheres dos dois magnatas da cidade, os coronéis Cavalcanti (Osmar Prado) e Jaime (Murilo Benicio), além de Antonia (Isis Valverde), filha deste último.

A minissérie é uma adaptação do romance "A Emparedada da Rua Nova", do escritor pernambucano Carneiro Vilela (1846-1913). Nas palavras de Moura, "é uma clássica história de um Don Juan, que ao se envolver com três mulheres, termina por se embrenhar numa trama vertiginosa de paixão e morte".

Para quem gostou de "Amores Roubados", como eu, a curiosidade de ver a versão latina da série é grande.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL