PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Fefito

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Sem Simaria e decisão sobre futuro, Simone tem shows marcados até setembro

Simone e Simaria: shows da dupla custam entre R$ 300 mil e R$ 400 mil dependendo do contratante - Facebook/Reprodução
Simone e Simaria: shows da dupla custam entre R$ 300 mil e R$ 400 mil dependendo do contratante Imagem: Facebook/Reprodução
Conteúdo exclusivo para assinantes
Fefito

Fernando Oliveira, conhecido como Fefito, é formado em jornalismo e pós-graduado em direção editorial. Teve passagens pela IstoÉ Gente, Diário de S. Paulo, iG, R7. Atuou como apresentador do Estação Plural, da TV Brasil, Mulheres, da TV Gazeta, e Morning Show, da Jovem Pan.

Colunista do UOL

23/06/2022 15h18

Depois de expor publicamente o desentendimento com a irmã, Simaria segue sem previsão de retorno aos palcos, mas Simone terá de cumprir sozinha shows da dupla pelo menos até setembro.

A agenda de apresentações tem confirmados vários eventos em seu calendário. Somente neste mês de junho, por exemplo, as coleguinhas têm marcados mais seis shows. Alguns, no mesmo dia. Nesta sexta-feira (24), por exemplo, Simone terá de estar em Cruz das Almas e em Santo Antônio de Jesus, cidades do interior da Bahia. Há ainda apresentações marcadas para Petrolina (PE), Senhor do Bonfim (BA) e Maceió (AL).

Em julho, agosto e setembro, há também eventos confirmados em cidades como São Bernardo do Campo (SP), Rondonópolis (MT) e Araçatuba (SP). Todos terão apenas Simone no palco, a princípio.

Cada um dos shows custa entre R$ 300 mil e R$ 400 mil, dependendo do contratante e do tamanho do público. Simaria segue com direito a porcentagem sobre eles, uma vez que, para não haver prejuízo contratual, ela teve o afastamento anunciado por ordens médicas. Antes da crise, a equipe já negociava também a agenda de dezembro, com confraternizações e virada do ano.

Entre os amigos mais próximos, a ordem tem sido esperar a poeira baixar e cumprir a agenda já marcada. Só depois haverá qualquer anúncio sobre o futuro da dupla.