PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Fefito

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Antes bilionária, Daslu terá marca leiloada por valor longe de seu apogeu

Fachada da antiga loja Daslu, em São Paulo - Reprodução
Fachada da antiga loja Daslu, em São Paulo Imagem: Reprodução
Conteúdo exclusivo para assinantes
Fefito

Fernando Oliveira, conhecido como Fefito, é formado em jornalismo e pós-graduado em direção editorial. Teve passagens pela IstoÉ Gente, Diário de S. Paulo, iG, R7. Atuou como apresentador do Estação Plural, da TV Brasil, Mulheres, da TV Gazeta, e Morning Show, da Jovem Pan.

Colunista do UOL

16/05/2022 11h31

Considerada um templo do luxo em São Paulo, a Daslu era tão famosa que inspirou até novela. Em "Cobras & Lagartos", que a Globo exibiu em 2006, a loja Luxus era dos principais cenários da trama escrita por João Emanuel Carneiro.

Depois da prisão de sua dona, Eliana Tranchesi (1955-2012), em 2009, por questões tributárias, e da falência decretada em 2016, a Daslu irá agora a leilão.

A marca será oferecida pela bagatela de R$ 1,4 milhão, valor considerado baixo por quem viveu o auge da empresa. Para se ter uma noção, em meados de 2005, quando inaugurou um prédio de 20 mil metros quadrados, a Daslu chegou a faturar R$ 1 bilhão por ano.

Entre suas clientes famosas estavam nomes como Hebe Camargo (1929-2012). Entre suas vendedoras, Sophia Alckmin e Ana Carolina Magalhães, filha de Geraldo Alckmin e neta de Antônio Carlos Magalhães (1927-2007), respectivamente.

Inicialmente marcado para este mês, o leilão ocorrerá em 7 de junho, às 13h. Caso não seja arrematada, a marca será, então, oferecida pela metade do valor - R$ 700 mil - em novo leilão, previsto para 14 de junho. Se ainda assim ninguém tomar posse do nome Daslu, haverá ainda uma terceira oportunidade de oferta, em 21 de junho. Toda a operação deve ocorrer de forma on-line.