PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Fefito

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Jovem Pan encerra programas e revolta jornalistas com aumento de trabalho

Os apresentadores do programa "De Tudo Um Pouco", da Jovem Pan, que saiu do ar na última semana - Reprodução
Os apresentadores do programa "De Tudo Um Pouco", da Jovem Pan, que saiu do ar na última semana Imagem: Reprodução
Fefito

Fernando Oliveira, conhecido como Fefito, é formado em jornalismo e pós-graduado em direção editorial. Teve passagens pela IstoÉ Gente, Diário de S. Paulo, iG, R7. Atuou como apresentador do Estação Plural, da TV Brasil, Mulheres, da TV Gazeta, e Morning Show, da Jovem Pan.

Colunista do UOL

03/03/2021 17h59

A Jovem Pan tem passado por um momento tenso em seus bastidores. Nesta semana, os jornalistas da emissora foram pegos de surpresa ao receber um comunicado curto afirmando que, a partir da próxima semana, todos terão um final de semana de folga a menos, sem nenhuma contrapartida. Ou seja: vão trabalhar mais e não receber nada por isso.

O e-mail dividiu os apresentadores, jornalistas e produtores em três grupos. Antes eram quatro. O entendimento é que se trata de uma redução salarial por outros meios. Vagas que ficaram em aberto ainda não foram preenchidas e a jornada de alguns profissionais já havia sido aumentada.

Na escala da Jovem Pan, os jornalistas fazem o plantão de sábado e domingo e não têm direito a folga durante a semana. Isso vai acontecer com mais frequência a partir de agora, e, caso tenham que trabalhar em feriados - quando a escala é congelada -, poderão ter que trabalhar 19 dias seguidos.

O clima entre os profissionais é de revolta e as tentativas de negociação não avançaram. Recentemente, a rádio contratou um novo diretor de redação, Humberto Candill. Segundo jornalistas ouvidos pela coluna, até agora ele ainda não se apresentou para todos.

Um dos projetos que a Jovem Pan estuda implementar em breve é o de um canal de notícias 24 horas no streaming, ainda sem data para sair do papel. A estreia, planejada para este mês, foi adiada.

Dois programas da plataforma PanFlix também foram extintos neste ano: o "Tô na Pan", de Ligia Mendes, e o "De Tudo Um Pouco", apresentada por Fred Ring, Leandro Narloch, Renata Kuerten e Vivi Tomazzi.

A coluna procurou a assessoria da Jovem Pan para saber sobre a revolta dos jornalistas por causa da nova escala de trabalho. A rádio afirmou que não se pronunciaria sobre o assunto.