PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Fefito

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

'BBB 21': Equipe de Rodolffo ameaça de processo quem o acusar de homofobia

Rodolffo está atualmente confinado no "BBB 21" - Reprodução / Internet
Rodolffo está atualmente confinado no "BBB 21" Imagem: Reprodução / Internet
Conteúdo exclusivo para assinantes
Fefito

Fernando Oliveira, conhecido como Fefito, é formado em jornalismo e pós-graduado em direção editorial. Teve passagens pela IstoÉ Gente, Diário de S. Paulo, iG, R7. Atuou como apresentador do Estação Plural, da TV Brasil, Mulheres, da TV Gazeta, e Morning Show, da Jovem Pan.

Colunista do UOL

25/02/2021 12h37

Resumo da notícia

  • Escritório de advocacia enviou notificações judiciais ameaçando internautas de processo por posts nas redes sociais
  • Comunicado pede que publicações no Twitter e no Instagram sejam tiradas do ar imediatamente e as classifica como calúnia e difamação
  • Nas últimas semanas, comportamento de cantor sertanejo em relação a participantes homossexuais tem sido alvo de críticas

Nesta semana, vários responsáveis por perfis no Twitter e no Instagram começaram a receber notificações extrajudiciais pedindo que retirasse do ar publicações sobre Rodolffo Matthaus, sob pena de processo. Atualmente confinado no "BBB 21", o cantor sertanejo tem sido acusado de homofobia nas redes sociais por causa de seu comportamento com Gilberto e João.

A coluna teve acesso a uma das notificações enviada por causa de um tweet que dizia "Rodolffo entra no confessionário: Boa noite, Tiago. Quais 'viados' tem para votar?", escrito pelo fotógrafo Pedro Piol. A mensagem se refere ao fato de que, à exceção de um voto em Fiuk, todas as outras vezes o músico declarou voto em João e discutiu uma indicação contra Gilberto, homossexuais assumidos.

A notificação, enviada pelo escritório Muller/Capanema, de Curitiba (PR), diz que a publicação violaria os termos de uso das redes sociais no Brasil e a compara textualmente com os crimes de calúnia e difamação. "A conduta do crime contra a honra cometido por meio da rede mundial de computadores aumenta a dimensão pública da ofensa", afirma o comunicado, que sugere ainda que haveria dano moral ao cantor.

A notificação ordena ainda a retirada imediata do ar das postagens, sem possibilidade de "promover a reiteração da conduta". Ou seja: a crítica não poderia ser repetida por quem as escreveu. Por fim, afirma que, caso não sejam excluídas as publicações, "medidas judiciais cabíveis serão tomadas".

Nas últimas semanas, o comportamento de Rodolffo no "BBB" tem sido criticado. Alguns dos comentários direcionados a Gilberto têm despertado desconfiança nas redes sociais. "Estou com raiva desses gritos", afirmou o cantor, que também deixou claro que "a voz dele está incomodando". "Não consigo ficar perto dele, rir das piadinhas, desses gritinhos dele o tempo inteiro. Eu bloqueio cara, lá na rua eu sou assim."

Em conversa na segunda semana de programa, o doutorando em economia desabafou: "Não entendo por que Rodolffo tem tanta raiva de mim. Toda vez que eu tô num lugar ele sai, nunca entendi por que, até hoje".

Antes do "BBB", Rodolffo chegou a gravar um vídeo afirmando dá bastante risada com a "criatura gay". Dentro da casa, no "queridômetro", o músico costuma dar coração para todos os participantes, menos para Gilberto e João, que ganham um emoji de sorriso.

A coluna confirmou a autenticidade das notificações extrajudiciais junto ao escritório Muller/Capanema, que representa o sertanejo. Segundo o advogado Guilherme Capanema, foram enviadas várias notificações. "Tem muita gente falando inverdades e acusando de homofobia ou racismo. As ações precisam ser tomadas", afirmou.