PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Fefito

Não gosta de 'BBB'? Cinco dicas de livros para ler durante o programa

Tiago Leifert apresenta o "BBB 21", que estreia  nesta segunda-feira (25) - Reprodução/TV Globo
Tiago Leifert apresenta o "BBB 21", que estreia nesta segunda-feira (25) Imagem: Reprodução/TV Globo
Fefito

Fernando Oliveira, conhecido como Fefito, é formado em jornalismo e pós-graduado em direção editorial. Teve passagens pela IstoÉ Gente, Diário de S. Paulo, iG, R7. Atuou como apresentador do Estação Plural, da TV Brasil, Mulheres, da TV Gazeta, e Morning Show, da Jovem Pan.

Colunista do UOL

24/01/2021 13h38

Prestes a iniciar mais uma edição nesta segunda-feira (25), o "BBB" já se tornou prenúncio de guerra nas redes sociais. E não estamos falando apenas de fã-clubes, mas, sim, da clássica turma que não considera reality show um bom entretenimento e recomenda que você vá ler um livro.

Em tempos de discussões acaloradas motivadas por Felipe Neto sobre a leitura de Machado de Assis, a coluna decidiu dar uma ajuda a quem imagina que assistir ao "BBB" e se dedicar à literatura são hábitos incompatíveis. Seguem cinco dicas de livros para encarar os próximos três meses de confinamento.

1) Ricardo e Vânia, de Chico Felitti
Por anos e anos, uma figura na Rua Augusta, em São Paulo, atraía a atenção de quem por ela passava com suas panfletagens. Aqui, descobrimos a história do personagem apelidado de Fofão, de suas cirurgias plásticas e sua história de amor que foi parar na Europa. Impossível não se emocionar. Se tiver tempo, leia também "A Casa", do mesmo autor, investigação cuidadosa sobre os abusos cometidos por João de Deus em seu templo. (Editora Todavia, R$ 32, 192 págs.)

2) Solução de Dois Estados, de Michel Laub
Um dos melhores autores contemporâneos na opinião desta modesta coluna, Michel Laub reúne aqui depoimentos de dois irmãos que a todo tempo rivalizam por causa de mágoas do passado. Muitas delas motivadas por uma crise iniciada com o confisco da poupança no governo de Fernando Collor. Intenso, mordaz e divertido. (Companhia das Letras, R$ 49,90, 248 págs.)

3) Falso Espelho, de Jia Tolentino
Uma grata surpresa, esta jovem canadense discorre sobre os mais diversos assuntos neste livro de ensaios. Ela fala sobre internet, feminismo e, pasme leitor, até mesmo sobre reality shows - sim, ela já participou de um e relembra a experiência. Hoje, é um nome a ser acompanhado de perto no mundo literário. (Editora Todavia, R$ 73, 368 págs.)

4) Torto Arado, de Itamar Vieira Júnior
Este aparentemente é o hit literário do começo de 2021. E não é por acaso. Aqui, há uma reflexão importantíssima sobre o passado do nosso país e como ele deixa marcas indeléveis em nossos presente. O texto é primoroso. Para não estragar surpresas, a coluna deixa aqui a sinopse divulgada pela editora: "Nas profundezas do sertão baiano, as irmãs Bibiana e Belonísia encontram uma velha e misteriosa faca na mala guardada sob a cama da avó. Ocorre então um acidente. E para sempre suas vidas estarão ligadas". (Editora Todavia, R$ 54,90, 264 págs.)

5) Dom Casmurro, de Machado de Assis
Sim, porque polêmica pouca é bobagem. Que tal aproveitar a controvérsia nas redes sociais para (re)ler esse clássico? Muita gente finge que lembra dele dos tempos de colégio e não admite que só estudou o resumo. Outros, não tinham maturidade suficiente para entender a paixão - ou seria relação abusiva? - de Bentinho por Capitu. Esta pode ser uma bela chance de descobri que houve ou não traição. Depois volta aqui e conta sua opinião! (Editora Saraiva, R$ 29,90, 280 págs.)

Bom "BBB 21", pessoal!