PUBLICIDADE
Topo

Chico Barney

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

BBB 21: Diferentemente de Lula, Juliette não está elegível. Que pena!

BBB 21: Juliette diz que Arthur será eliminado amanhã - Reprodução/Globoplay
BBB 21: Juliette diz que Arthur será eliminado amanhã Imagem: Reprodução/Globoplay
Chico Barney

Entusiasta e divulgador da cultura muito popular. Escreve sobre os intrigantes fenômenos da TV e da internet desde 2002

Colunista do UOL

08/03/2021 22h13

Como efeito colateral da eliminação de Karol Conká semana retrasada, continuo sendo impactado por notícias do Brasil real. A novidade de hoje é que o ex-presidente Lula teve suas condenações anuladas e encontra-se, no momento, elegível para 2022.

Enquanto isso, em Curicica, Juliette conseguiu se livrar do paredão justamente na semana em que precisávamos dela também elegível. Era certamente o melhor nome para protagonizar o paredão falso.

As torcidas do BBB 21 estão torcendo por um confronto da maquiadora & advogada com Sarah. Outrora aliadas, estão cada vez mais distantes.

Juliette aposta tudo no próprio carisma. Acredita que está fazendo uma dança envolvente com o público. Se avaliarmos seus números nas redes sociais, parece fazer sentido.

Por conta dessa estratégia, tem dificuldades para aceitar o jogo interno de Sarah, que é mais dinâmico e cerebral.

Sua presença no quartinho secreto assistindo a tudo, especialmente o que falam dela pelas costas, seria um ótimo atrativo para os próximos dias.

É um pouco triste ter que se contentar com essa disputa de Carla Diaz com João. Entre os dois, não tenho muitas dúvidas de que a ex-Chiquitita tem mais chances de nos divertir. Por falta de assunto melhor, a trama com Arthur e Projota se tornou um dos pilares da temporada.

Além disso, voltará pensando ser muito mais popular do que de fato é. Apesar dos pesares, pode vir coisa boa por aí.

Voltamos a qualquer momento com novas informações.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL