PUBLICIDADE
Topo

Com delírios a respeito da própria fama, Biel passa vergonha em A Fazenda

Biel vacila na Record  - Reprodução/RecordTV
Biel vacila na Record Imagem: Reprodução/RecordTV
Chico Barney

Entusiasta e divulgador da cultura muito popular. Escreve sobre os intrigantes fenômenos da TV e da internet desde 2002.

Colunista do UOL

28/09/2020 23h56Atualizada em 29/09/2020 18h20

A passagem do cantor Gabriel Araújo Marins Rodrigues, o Biel, por "A Fazenda" está sendo um prato cheio para seus detratores.

Consolidado há tempos como uma figura controversa dos recônditos do showbiz nacional, perdeu a oportunidade de tentar refazer a própria imagem perante a opinião pública. Antes disso, poderia ter aproveitado o momento de baixa para se poupar do constrangimento.

Mas o jovem rapaz parece operar em um campo de distorção da realidade que serve apenas para fazê-lo passar vergonha. Duas situações absolutamente pitorescas nessas últimas semanas dão uma medida do enrosco em que Biel está metido.

Em uma entrevista realizada pouco antes do confinamento, confessou ao jornalista Leo Dias que durante determinado período foi "o maior artista do Brasil". Sou capaz de pensar em poucas afirmações mais distantes dos fatos do que essa —e olha que estamos vivendo uma fase pródiga nesse sentido.

Como se a corda da bobeira já não estivesse muito esticada, ele fez muxoxo a respeito de Jojo Todynho para os colegas neste final de semana. Contrariado após ser disciplinado pela cantora de maneira contundente, abriu novamente o coração.

"Ela chegou agora, tem dois, três aninhos de carreira. Você tem oito, moleque. Ela tem um hit, você tem seis", elucubrou, falando de si mesmo na terceira pessoa.

A autoestima fluorescente de Biel promete render cada vez mais momentos de vergonha alheia em Itapecerica da Serra. Muito satisfeito consigo mesmo, resta saber se receberá algum reforço positivo do público.

Voltamos a qualquer momento com novas informações.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL