PUBLICIDADE
Topo

Eri Johnson se reinventa como narrador de videocassetadas no Instagram

Eri Johnson, o exímio criador de bordões como "Fui" e "Bom te ver", apresenta novidades na internet - Reprodução/Instagram
Eri Johnson, o exímio criador de bordões como "Fui" e "Bom te ver", apresenta novidades na internet Imagem: Reprodução/Instagram
Chico Barney

Entusiasta e divulgador da cultura muito popular. Escreve sobre os intrigantes fenômenos da TV e da internet desde 2002.

Colunista do UOL

13/09/2020 14h11

Já faz algum tempo que Eri Johnson publica em seu perfil no Instagram divertidos vídeos de gente se dando mal graças à imprudência ou excesso de confiança. São peças audiovisuais que Fausto Silva convencionou chamar de videocassetadas.

No ciberespaço, esse tipo de conteúdo é distribuído em compilações extremamente populares e recebe o nome de "fail" —erro ou falha, em tradução livre.

De acordo com um estudo publicado pelo Annals of the New York Academy of Sciences, sentir prazer com o sofrimento alheio é uma reação biológica. E ainda mais intensificada se os azarados são pessoas bem-sucedidas ou invejadas.

A maior parte da população mundial se delicia com o chamado Schadenfreude —expressão alemã que resume a "alegria pelo mal", ou a estranha satisfação que sentimos com a desgraça alheia.

Johnson passou meses compartilhando vídeos divertidos de infortúnios aleatórios. Mas na última semana começou a sofisticar o formato.

Agora a série é composta por três vídeos curtos na sequência. No primeiro, o ator adianta um breve contexto da situação. "O cara tava sem camisa pendurado na janela só de cueca e meia. Se ele caiu? Hm. Passa pro lado", abriu o episódio mais recente.

Ao seguir para o próximo item no carrossel, vemos que o sujeito realmente caiu —e em cima de uma kombi. Uma cena dantesca. Como encerramento da trilogia, Eri Johnson retorna de maneira performática para entregar o bordão que criou para o formato: "pra quê?"

Pra quê??? #erijohnson

Uma publicação compartilhada por Eri Johnson✨ (@eri) em

A ideia de expandir o mero envio de vídeos para um quadro de humor que combina com sua persona artística é um golaço. A audiência qualificada, composta por vários amigos famosos como Mauricio Mattar e Isis de Oliveira, está adorando a nova fase e reage com emojis empolgados. Por mim, tudo bem.

Voltamos a qualquer momento com novas informações.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL