PUBLICIDADE
Topo

Chico Barney

Precisamos do remake de Sol Nascente com Danni Suzuki e Sérgio Hondjakoff

Miyuki e Cabeção, o mais importante casal da história de Malhação - Reprodução
Miyuki e Cabeção, o mais importante casal da história de Malhação Imagem: Reprodução
Chico Barney

Entusiasta e divulgador da cultura muito popular. Escreve sobre os intrigantes fenômenos da TV e da internet desde 2002.

Colunista do UOL

01/09/2020 21h44

Uma novela que não chegou a ser assunto nem quando estava no ar conseguiu virar o centro das atenções durante a pandemia. Consequência direta da falta de novidade que domina o showbiz quando há poucas produções inéditas em andamento.

Segundo as informações que foram coletadas ao longo dos últimos dias por conta de uma live da atriz Danni Suzuki, era para ela ter sido a protagonista de Sol Nascente, que o Walther Negrão confirma ter escrito pensando na atriz.

O papel principal acabou ficando com Giovanna Antonelli, em uma trama emocionante que ainda contou com Bruno Gagliasso, Rafael Cardoso, Luís Melo, Laura Cardoso e Francisco Cuoco.

É interessante ver como sustentaram o título mesmo com pouca gente de origem japonesa envolvida na produção, mas a TV é mesmo um truque de espelhos. A questão levantou uma série de questionamentos importantes a respeito da representatividade.

De qualquer forma, todo o bafafá serviu para atiçar a curiosidade do público em torno da novela exibida em 2016. E se a Globo aproveitasse o ensejo para contar a trama original, conforme o autor havia sonhado?

Uma vez que Gagliasso, o mocinho, já não bate mais ponto em Curicica, talvez seja uma oportunidade do destino para fazer o reencontro de Danni Suzuki com Sérgio Hondjakoff.

Os atores viveram um casal histórico, um dos mais emblemáticos nesses 70 anos de TV brasileira: Miyuki e Cabeção na gloriosa fase imediatamente pós-bug do milênio da Malhação.

Além de aplacar a curiosidade do público a respeito da novela em suas concepções mais verdadeiras, também renderia muita alegria dos fãs saudosos da dupla tão carismática.

Hollywood faz novas versões de seus maiores sucessos em intervalos de tempo cada vez menores —basta ver a quantidade de interpretações diferentes do Batman ou do Homem-Aranha nos últimos 20 anos. Está na hora da tendência chegar por aqui.

UOL VÊ TV

O imbróglio trazido à tona por Danni Suzuki também foi tema do podcast desta semana. Prestigie!

Voltamos a qualquer momento com novas informações.