PUBLICIDADE
Topo

Chico Barney

Com derrota na Champions, Neymar está liberado para participar de A Fazenda

Neymar chora após o PSG perder a final da Champions para o Bayern de Munique - Michael Regan - UEFA/UEFA via Getty Images
Neymar chora após o PSG perder a final da Champions para o Bayern de Munique Imagem: Michael Regan - UEFA/UEFA via Getty Images
Chico Barney

Entusiasta e divulgador da cultura muito popular. Escreve sobre os intrigantes fenômenos da TV e da internet desde 2002.

Colunista do UOL

23/08/2020 19h07

Adulto Ney está triste. Depois de uma campanha emocionante, seu PSG perdeu a final da Champions League para o Bayern. Vida que segue.

Com o fim do principal campeonato de clubes do mundo, talvez seja o momento para o filho de Neymar Sênior empreender novas aventuras na mídia.

É público e notório que estamos prestes a acompanhar mais uma temporada de A Fazenda, popular reality show de temática rural na Record.

Alguns integrantes do Neymarverso foram ventilados pela imprensa como prováveis participantes. Desde seu ex-padrasto, o controverso Tiago Ramos, até Nájila Trindade, que acusou o jogador em um ruidoso imbróglio há alguns meses.

Os dois nomes perderam força nas bolsas de apostas, mas o próprio jogador seria um ótimo nome para a competição.

Neymar esteve no epicentro do debate no BBB 20, graças à sua torcida por Babu e Felipe Prior. Muitos intuíram que seu envolvimento era devido a alguma questão mal resolvida com Manu Gavassi, amiga de sua ex-namorada, a popular atriz e digital influencer Bruna Marquezine.

Com isso, comoveu boa parte do público futebolístico —à época, muito carente pela ausência de jogos na televisão, em um momento em que as pessoas ainda estavam assustadas com a pandemia.

Uma figura tão polêmica quanto o outrora craque santista seria um forte concorrente ao prêmio em Itapecerica da Serra. Basta lembrar que o público do programa já elegeu cidadãos como Dado Dolabella, Rafael Ilha, Lucas Viana e, provavelmente, Jair Messias Bolsonaro.

Voltamos a qualquer momento com novas informações.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL