PUBLICIDADE
Topo

Andreza Delgado

Filmes de terror para você comemorar o Halloween, mas também refletir

O Que Ficou Para Trás
O Que Ficou Para Trás
Divulgação/Netflix
Andreza Delgado

Andreza Delgado, baiana da terra do cacau, é uma das criadoras da Perifacon, a Comic Con da favela. Tem um canal no YouTube para resenhar séries, HQ's, filmes e livros e o game perifa, mas quando dá tempo tuíta pelos cotovelos.

Colunista do UOL

31/10/2020 10h21

O Halloween esse ano vai ser bem diferente por conta da pandemia: todo mundo comemorar cada um da sua casa (assim espero). Então separei algumas dicas de filmes de terror, para você se assustar, mas também refletir.

Continua depois da publicidade

O "Homem Invisível" tem como premissa discussões de gênero. Imagine uma relação abusiva de um ex. Agora com um ex que você não consegue enxergar. A atuação de Elisabeth Moss é um show à parte, e reitera a importância do gênero terror com crítica social.

Um dos maiores clássicos quando o assunto é zumbi. "A Noite dos Mortos-Vivos", de George Romero, revolucionou o que entendemos como zumbi hoje. E foi graças a esse trabalho que vimos um protagonista negro como herói, numa época que as tensões raciais nos EUA estavam em alta.

Apesar de não ser uma grande entusiasta do "Uma Noite de Crime" (2013), acredito que a premissa dele é muito boa: o que pessoas ricas fariam numa noite onde os crimes estão liberados? Pois é! A crítica de classe é surreal de boa!

Continua depois da publicidade

Recém-lançado na Netflix, "O Que Ficou Para Trás" é um dos filmes mais importantes de 2020. Acompanhando a história de um casal de refugiados em um novo país, o terror da xenofobia se soma a uma entidade na casa que obrigatoriamente eles precisam ficar, pois, é requisito para não ser deportado.

Obvio que não vou esquecer um dos filmes do gênero terror e critica social mais celebrado da última década. "Get Out", de Jordan Peele, traz o racismo como monstro do filme. De nervoso a raiva, não pode faltar nessa playlist.