PUBLICIDADE
Topo

Arroz lambe-lambe, feito em uma panela só, traz a essência caiçara à mesa

Mais Brasil com Zeca
1 | 25

De Nossa

02/11/2020 04h00

Linha, ok. Anzol, ok. Junto com esses dois itens essenciais para a captura de peixes, os pescadores do litoral Norte de São Paulo levavam a bordo um fogareiro e um saco de arroz. Com os mariscos que achavam pelo mar, preparavam a saborosa refeição numa panela só.

Sem garfo nem faca, as próprias conchas do fruto do mar faziam o papel de talher. Guardanapo? Que nada. Lambiam as pontas dos dedos e estavam prontos para enfrentar mais um dia na água.

Arroz lambe lambe - Divulgação - Divulgação
Arroz lambe lambe: herança do litoral paulista
Imagem: Divulgação

A história, segundo Eudes Assis, é a origem do arroz lambe-lambe, prato clássico caiçara com influências europeias que o chef que ensinou ao público no programa Brasil com Zeca e que serve no seu restaurante, Taioba Gastronomia, em São Sebastião — conheça a trajetória do cozinheiro.

Feito em vinte minutinhos, o arroz começa com um refogado de cebola e alho-poró. O marisco vai na sequência para a panela, junto com o vinho e o arroz.

Um caldo de peixe deixa o prato mais saboroso e úmido. Tomate e salsinha entram na mistura por último — e assim é dado o frescor que um prato de praia merece.

Arroz lambe lambe - Divulgação - Divulgação
Refogado e alho-poró e caldo de peixe: etapas valorizam o sabor do prato
Imagem: Divulgação

Se quiser seguir à risca a tradição, não se esqueça de dispensar a colher e lamber os dedos ao final da refeição.

Confira a receita completa:

Arroz lambe lambe

Dificuldade Fácil
4 porções
20 min
Ver receita completa