PUBLICIDADE
Topo

Bichos

Tudo o que você precisa saber para cuidar do seu pet

Bebê bongo: antílope ameaçado de extinção faz estreia em zoológico na Polônia

Um bongô da montanha recém-nascido, o maior dos antílopes da floresta africana, no Zoológico de Varsóvia, Polônia, em 6 de maio de 2021. - Reuters
Um bongô da montanha recém-nascido, o maior dos antílopes da floresta africana, no Zoológico de Varsóvia, Polônia, em 6 de maio de 2021. Imagem: Reuters

07/05/2021 12h32

Um filhote de bongo da montanha, nascido há duas semanas no Zoológico de Varsóvia, na Polônia, desfrutou um de seus primeiros passeios ao ar livre com sua mãe na quinta-feira, depois de um período de frio que o manteve recolhido até agora.

Os bongos da montanha, os maiores entre os antílopes da floresta africana, são uma espécie ameaçada de extinção, com apenas cerca de 70-80 adultos restantes na natureza, de acordo com a Lista Vermelha de Espécies Ameaçadas da União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais (IUCN, na sigla em inglês).

Filhote de bongo da montanha, nascido há duas semanas no Zoológico de Varsóvia, na Polônia - Reuters - Reuters
Filhote de bongo da montanha, nascido há duas semanas no Zoológico de Varsóvia, na Polônia
Imagem: Reuters

Os animais são noturnos e têm uma aparência marcante devido aos seus longos chifres e sua pelagem castanha-avermelhada misturada com manchas no formato de linhas verticais finas brancas ou amarelas.

"Eles são difíceis de reproduzir... devido a sua personalidade. Somos o único zoológico na Europa que os mantém em um pavilhão aberto aos visitantes, e isso porque esses antílopes são extremamente tímidos", disse Sylwia Grodkowska, chefe da seção de ungulados no zoológico de Varsóvia.

Ela disse que o bebê nasceu durante a noite de uma mãe de primeira viagem e que os funcionários do zoológico haviam encontrado o par quando vieram trabalhar pela manhã.

Devido ao tempo frio, o filhote teve que ficar recolhido nos primeiros dias.

"É um antílope, dos pequenos. Só tem duas tarefas: comer e dormir", disse Grodkowska.