PUBLICIDADE
Topo

Conheça o antigo aeroporto nazista que virou parque público em Berlim

Tempelhofer Feld: o parque toma as pistas, hangares e áreas livres de um dos principais aeroportos do período nazista - Reprodução/Grün Berlin
Tempelhofer Feld: o parque toma as pistas, hangares e áreas livres de um dos principais aeroportos do período nazista
Imagem: Reprodução/Grün Berlin

Marcel Vincenti

Colaboração para Nossa

03/07/2022 04h00

A cidade de Berlim tem uma capacidade incrível para ressignificar seus espaços históricos.

Pedaços do opressivo muro que dividiu a capital alemã por décadas viraram obras de arte ao ar livre, com sua superfície coberta por coloridos grafites.

Já a praça Bebelplatz, onde nazistas queimaram milhares de livros em 1933, ganhou uma instalação que representa uma biblioteca vazia, como lembrança daquela época de trevas da Alemanha.

E uma mudança marcante ocorreu em um lugar que, por muito tempo, foi um dos principais aeroportos do território germânico.

Localizado no meio de Berlim, o aeroporto de Tempelhof serviu como importante local de pousos e decolagens para aviões nazistas antes da e durante a Segunda Guerra Mundial: com frequência, era para lá que Hitler ia quando precisava pegar aeronaves para viajar a países vizinhos ou para dar boas-vindas a líderes de outras nações que aterrissavam na Alemanha.

Encontro de Adolf Hitler com Joseph Goebbels, Ministro da Propaganda na Alemanha Nazista, no aeroporto de Tempelhof - ullstein bild via Getty Images - ullstein bild via Getty Images
Encontro de Adolf Hitler com Joseph Goebbels, Ministro da Propaganda na Alemanha Nazista, no aeroporto de Tempelhof
Imagem: ullstein bild via Getty Images

Mas este terreno que por anos favoreceu a logística dos nazistas virou, no século 21, um dos espaços públicos mais agradáveis da capital alemã.

Desativado, o aeroporto foi transformado, nos últimos anos, em um parque chamado Tempelhofer Feld.

A estrutura do aeroporto é o pano de fundo para os dias de lazer no Tempelhofer Feld - Reprodução/Grün Berlin - Reprodução/Grün Berlin
A estrutura do antigo aeroporto é o pano de fundo para os dias de lazer no Tempelhofer Feld
Imagem: Reprodução/Grün Berlin
Moradores e turistas tomam o Tempelhofer Feld. Ao fundo, o antigo saguão do aeroporto nazista - Getty Images - Getty Images
Moradores e turistas se reúnem no Tempelhofer Feld para piqueniques e esportes
Imagem: Getty Images

E o plano de conversão deu certo: com uma área de mais de 300 hectares, o Tempelhofer Feld oferece atualmente paisagens extremamente originais e cheias de oportunidades de lazer.

No local, os visitantes podem pedalar ou andar de skate e patins nas antigas pistas de pouso e decolagem: mal dá para imaginar que, nos anos 1930, esta relaxante área foi palco para discursos odiosos de Hitler assistidos por multidões de seguidores.

Antes: soldados alemães durante discurso de Hitler no aeroporto, em 1934 - Getty Images - Getty Images
Antes: soldados alemães durante discurso de Hitler no aeroporto, em 1934
Imagem: Getty Images
Hoje: as pistas de pouso são palco para atividades como skate, patinação, corrida e empinar pipa - Getty Images - Getty Images
Hoje: as pistas de pouso são palco para atividades como skate, patinação, corrida e empinar pipa
Imagem: Getty Images

Para aqueles que não querem se exercitar, os gramados que separam as pistas são verdadeiros recantos verdes: em dias de sol, legiões de nativos e turistas deitam na relva para curtir o calor ao ar livre e fazer piquenique, enquanto conseguem admirar, ao fundo, edificações icônicas de Berlim, como a torre de televisão conhecida como Berliner Fernsehturm.

Aeroporto de Tempelhof, em Berlim - Getty Images - Getty Images
Nem só de cimento: gramadões são os preferidos dos visitantes para passar o dia
Imagem: Getty Images

E, no lugar de aviões, o céu do lugar é, em dias de vento, dominado por coloridas pipas, que adultos e crianças empinam alegremente desde o solo.

E a diversão não para por aí: há ainda áreas para churrasco com 2,5 hectares e espaços de passeio para cães com cerca de 4 hectares.

Horta

O terminal do aeroporto de Tempelhof também é aberto ao público. Em seu interior são realizados tours guiados, que mostram sua estrutura monumental construída pelos nazistas.

E, voltando ao lado de fora, os turistas se deparam com mais espaços únicos. Um deles é uma horta comunitária onde moradores de áreas adjacentes cultivam alimentos como alface, cenouras e tomates.

Aeroporto de Tempelhof, em Berlim - Getty Images - Getty Images
Moradores cuidam da horta comunitária que existe dentro do Tempelhofer
Imagem: Getty Images

Além disso, com sua pacífica área verde, o antigo aeroporto virou ponto de concentração de lindos pássaros: muitas pessoas vão até lá apenas para fazer "birdwatching" (nome em inglês para a prática de observação de aves).

Os espaços verdes são tão extensos que, em determinados locais do Tempelhofer Feld, os visitantes sentem que estão em uma zona rural da Alemanha (e não no meio de uma das principais metrópoles da Europa).

E o antigo aeroporto ainda ganhou quadra de basquete, campos de futebol e espaços com mesas de pingue-pongue.

Cenário de festival: especialmente no verão, o parque lota no finais de semana - Getty Images - Getty Images
Cenário de festival: especialmente no verão, o parque lota no finais de semana
Imagem: Getty Images

A função recente deste lugar de Berlim, porém, não se resume a lazer e qualidade de vida.

Em 2015, hangares que ainda existem no Tempelhofer Feld foram transformados em abrigos temporários para refugiados recém-chegados à Alemanha, provenientes de lugares como Síria, Iraque e Afeganistão. Milhares de refugiados chegaram a viver ao mesmo tempo no local.

Tempelhofer Feld, aeroporto, berlim - Pavel Nekoranec/Unsplash - Pavel Nekoranec/Unsplash
A antiga estrutura do aeroporto foi mantida, e há tours sobre sua história
Imagem: Pavel Nekoranec/Unsplash

Os horários de funcionamento do parque mudam de acordo com a época do ano, mas, via de regra, este recanto fica aberto do nascer ao pôr do sol — e é um programa quase obrigatório admirar as luzes do final do dia colorindo seu hoje pacífico céu.

O ingresso ao parque é gratuito. Mais informações no site.