PUBLICIDADE
Topo

Austrália exibe lagos cor-de-rosa em paisagens exóticas e "instagramáveis"

Lake Tyrrell, um dos lagos cor-de-rosa na Austrália - Getty Images/iStockphoto
Lake Tyrrell, um dos lagos cor-de-rosa na Austrália
Imagem: Getty Images/iStockphoto

Marcel Vincenti

Colaboração para Nossa

21/05/2022 04h00

Além de animais que só se encontra por lá, como cangurus, coalas e ornitorrincos, a Austrália também oferece paisagens únicas.

Um destes lugares se chama Lake Tyrrell, um raso lago salino alimentado por água que vem do subterrâneo e que, em determinadas épocas do ano, entra em processo de evaporação e seca quase completamente.

Sem a água, surge um solo forrado por uma crosta cor-de-rosa, devido à presença de uma microalga.

Nas épocas em que a água sobe, o cenário não é menos fascinante.

Lake Tyrrell, na Austrália - Getty Images/iStockphoto - Getty Images/iStockphoto
Lake Tyrrell, na Austrália, é rosa por ação de microorganismos
Imagem: Getty Images/iStockphoto

Nestas ocasiões, principalmente nas horas mais claras do dia, a água também pode ficar rosa. E, na hora do nascer e pôr do sol, o lago (que tem quase 21 mil hectares) vira uma espécie de espelho para as nuvens e para um céu tingido com diferentes cores.

Isso, aliás, explica o nome do lugar: Tyrrell vem de "tyrille", palavra aborígene que significa céu, em referência ao reflexo das imagens celestes que pode ser visto na água.

Todo este panorama é visto a partir de uma imensa plataforma construída sobre o Lake Tyrrell, mas muitos visitantes fazem questão de botar os pés no lago.

Estrelas e fauna

Localizado em uma área remota do Estado de Victoria e praticamente sem iluminação artificial ao seu redor, o Lake Tyrrell é também um local incrível para a observação de estrelas.

À noite, elas são vistas a olho nu com nitidez sobre a região. E, quando está com água, a superfície costuma exibir com clareza o reflexo dos corpos celestes.

Céu estrelado no Lake Tyrrell, na Austrália - Getty Images - Getty Images
Céu estrelado no Lake Tyrrell, na Austrália
Imagem: Getty Images

Além disso, há muita vida para ser observada por lá: pequenas ilhas no lago, por exemplo, são terreno de procriação de milhares de aves. E nos arredores, onde há vegetação, é possível avistar cangurus, emus e pássaros coloridos.

Como conhecer

O Lake Tyrrell fica a aproximadamente 4 horas de carro da cidade de Melbourne. E está a menos de 10 quilômetros de pequena cidade de Sea Lake, onde é possível encontrar guias para conduzir passeios com informações detalhadas pelo destino.

Lake Tyrrell, na Austrália - Getty Images/iStockphoto - Getty Images/iStockphoto
Lake Tyrrell, na Austrália
Imagem: Getty Images/iStockphoto

A melhor época para encontrar a área seca e com a superfície árida rosa é no verão australiano, entre dezembro e fevereiro. E o período entre junho e agosto é quando costuma haver água no local, com os incríveis reflexos do céu.

Outro lago da cor rosa

Por incrível que pareça, o Lake Tyrrell não é o único lago rosa da Austrália. O país da Oceania tem outras extensões de água com colorações parecidas.

Lago Hillier, na Austrália - Getty Images - Getty Images
Lago Hillier, na Austrália
Imagem: Getty Images

Uma das mais incríveis delas é o Lake Hillier, situado em uma selvagem ilha chamada Middle Island. E o rosa gera um forte contraste com outros elementos da natureza que se espalham ao redor da água, como uma extensa mata verdejante, bancos de areia e o azul intenso do oceano Pacífico que cerca a ilha, situada no sudoeste da Austrália.

O Lake Hillier tem aproximadamente 600 metros de comprimento por 250 metros de largura. A melhor maneira de explorar o destino é a bordo de um helicóptero.