PUBLICIDADE
Topo

Violeta pendente exige cuidados sem complicação e é ideal para varandas

Violeta pendente é planta fácil de cuidar e ideal para ambientes externos - Getty Images/iStockphoto
Violeta pendente é planta fácil de cuidar e ideal para ambientes externos
Imagem: Getty Images/iStockphoto

Silvia Montico

Colaboração para Nossa

11/12/2021 04h00

A violeta pendente, também conhecida como violeta de corda ou de cordão, é uma planta que chama a atenção por suas lindas flores, que tem um padrão de pétalas bem próximo ao das flores das violetas tradicionais.

Assim como suas "parentes" (ambas são da família Gesneriaceae), esta espécie é de fácil cultivo e pode ser um bom investimento até mesmo para aqueles que não tem muita experiência em cuidar das verdinhas.

A engenheira agrônoma Dara Cristina Souza Silva, também especialista em paisagismo, diz que a planta é perene, originária nas Américas, herbácea e que dá origem a flores de várias cores como a branca, azul, rosa e roxa.

Embora não seja muito conhecida, é uma planta de fácil cultivo, pois suas exigências quanto à iluminação e regas são bem simples", diz.

Violeta pendente aparece em várias cores diferentes - Getty Images/iStockphoto - Getty Images/iStockphoto
Violeta pendente aparece em várias cores diferentes
Imagem: Getty Images/iStockphoto

A planta se adapta bem a locais com luz filtrada ou difusa e regas moderadas, sempre conferindo a umidade do solo para evitar o encharcamento do mesmo. Na dúvida, a dica é optar pelo bom e velho teste do dedo.

A especialista também recomenda que é bom evitar molhar as folhas com frequência, por serem bem aveludadas e "gordinhas". "Na hora de escolher o substrato, opte por um mais arenoso, fértil e bem drenável, o que vai evitar o apodrecimento dos seus rizomas", diz.

Onde acomodar os vasos

Conforme a engenheira, o melhor lugar para acomodar os vasos de violetas pendentes em casa é em varandas ou sacadas, onde ela poderá receber os primeiros raios solares da manhã (somente até as 8 horas, dependendo da região).

O sol em horários mais quentes pode queimar suas folhas e flores. A iluminação adequada vai ser o fator principal para a quantidade de flores", frisa.

Sol da manhã é iluminação ideal para as violetas pendentes - Getty Images/iStockphoto - Getty Images/iStockphoto
Sol da manhã é iluminação ideal para as violetas pendentes
Imagem: Getty Images/iStockphoto

A engenheira afirma que no caso da Violeta pendente, o material do vaso não irá influenciar muito no desenvolvimento da planta, pois ela se adapta às condições de qualquer tipo de material, desde que tenha furos embaixo para a drenagem da água.

A única ressalva é que, se plantada em vaso de barro, por ser um material que absorve a água do substrato, ela irá precisar de mais regas.

Podas radicais

Dara explica que por ser uma planta que entra em dormência no inverno, é recomendado que sejam feitas podas radicais no final do outono ou começo da estação mais fria. "Já durante o restante do ano, podem ser feitas apenas podas de limpeza de flores e folhas secas e feias", diz.

No período de dormência, também é necessário diminuir as regas.

Poda cuidadosa garante saúde das plantas - Getty Images/iStockphoto - Getty Images/iStockphoto
Poda cuidadosa garante saúde das plantas
Imagem: Getty Images/iStockphoto

Quem deseja propagar a planta em diversos vasos para decorar a varanda ou a sacada, é possível fazer a divisão dos rizomas ou plantar novas sementes.

É indicado fazer a separação dos rizomas no inverno, quando a planta está em processo de estagnação vegetativa", aconselha Dara.

Adubação correta

A engenheira explica que a adubação correta para a Violeta pendente deve ser fosfatada, utilizando adubos orgânicos, como esterco bovino e farinha de ossos na hora da montagem do substrato. "Além de uma adubação mensal com NPK04.14.08 sempre seguindo as recomendações de dosagens do fabricante do fertilizante", diz.

Segundo ela, a adubação rica em Fósforo (P) faz com que a planta produza uma enorme quantidade de flores. Se mantida em dia, a planta terá uma floração magnífica.

Violeta pendente requer adubação especial - Getty Images/iStockphoto - Getty Images/iStockphoto
Violeta pendente requer adubação especial
Imagem: Getty Images/iStockphoto

"No paisagismo usamos a planta em vasos suspensos ou jardineiras em varandas. Por ser uma planta pendente fica linda em jardins verticais", finaliza.