PUBLICIDADE
Topo

20 anos depois, ela transformou o apê da infância em um lar contemporâneo

Isabelle contou com a ajuda do designer Guilherme Garcia para criar a decoração do apartamento que idealizou para criar uma família ao lado do marido - Fábio Júnior Severo
Isabelle contou com a ajuda do designer Guilherme Garcia para criar a decoração do apartamento que idealizou para criar uma família ao lado do marido Imagem: Fábio Júnior Severo

Aline Takashima

Colaboração para Nossa

28/10/2021 04h00

Quando Isabelle Colla era criança e corria pelo apartamento da família, não imaginava que, 20 anos depois, o apê em Florianópolis se tornaria novamente o seu lar. Dessa vez, na companhia do marido Alexandre e da cachorrinha Stella.

Recém-casados, Isabelle e Alexandre pensaram muito antes de começarem a vida a dois no apartamento de 415 m². Afinal, ele parecia muito grande para a pequena família. Mas logo o casal imaginou os futuros filhos brincando na sala e uma vida inteira naquele apê. Decidiram se mudar.

Deixa o sol brilhar

A prioridade da reforma estrutural era deixar o sol entrar. "O apartamento era escuro e tinha muitos detalhes. Tiramos tudo e usamos luz natural", conta a administradora Isabelle.

Ela fez questão de acompanhar toda a reforma. Não só porque o apê é seu, mas também porque entende e gosta de design e decoração. Aos 27 anos, Isabelle é supervisora de estilo em uma rede de supermercados. "As pessoas acham que deve ser fácil eu decorar a minha casa. Mas não é. Como recebo muitas informações de tendências, quero colocar tudo o que gosto."

Sala de estar do apê de Isabelle - Fábio Júnior Severo - Fábio Júnior Severo
Sala de estar do apê de Isabelle
Imagem: Fábio Júnior Severo
Armário com plantas e flores como decoração - Fábio Júnior Severo - Fábio Júnior Severo
Armário com plantas e flores como decoração
Imagem: Fábio Júnior Severo

Por isso, o casal se mudou com pouquíssimos móveis e objetos. "Eu não queria entrar em um apartamento parecendo um showroom. Acredito que a gente deve 'sentir' a casa para ver o que funciona", recomenda Isabelle.

Harmonia e coerência

Para transformar o apartamento em lar, Isabelle e Alexandre contaram com ajuda do designer de interiores Guilherme Garcia. "Transformar a sala foi um desafio. Ter muito espaço é bom, mas o ambiente pode ficar poluído com móveis soltos", explica Guilherme.

Enquanto Isabelle e Alexandre traziam as suas ideias para decorar o apartamento, Guilherme norteava os desejos do casal para o ambiente ter harmonia e coerência. "Trabalhamos juntos a curadoria de peças e acabamentos. Trouxemos elementos dinâmicos e fluidos, pois os clientes são jovens", explica o designer.

É um projeto atemporal. É difícil montar esse mix de peças, mas quando bem feito cria um bom resultado, super claro e objetivo."

O designer de interiores Guilherme Garcia - Fábio Júnior Severo - Fábio Júnior Severo
O designer de interiores Guilherme Garcia
Imagem: Fábio Júnior Severo

Isabelle não corre mais pela casa como na infância. Mas, vez ou outra, pratica yoga e muay thai na sala do apartamento. "A nossa casa é um lugar que a gente se sente seguro e sabe que nada de ruim vai acontecer. Não é somente um apartamento. É onde sentimos paz."

Detalhes da decoração da sala de estar - Fábio Júnior Severo - Fábio Júnior Severo
Detalhes da decoração da sala de estar
Imagem: Fábio Júnior Severo
Isabelle Colle na bancada da cozinha do apê - Fábio Júnior Severo - Fábio Júnior Severo
Isabelle Colla na bancada da cozinha do apê
Imagem: Fábio Júnior Severo

Dicas da Isabelle para reformar o apê

Faça você mesmo, garimpo e conhecer a própria casa estão entre as dicas de Isabelle - Fábio Júnior Severo - Fábio Júnior Severo
Faça você mesmo, garimpo e conhecer a própria casa estão entre as dicas de Isabelle
Imagem: Fábio Júnior Severo
  • Garimpe. "Amo garimpar e achar itens maravilhosos. Resolvi fazer uma curadoria e encontrei vasos, copos e objetos de decoração em conta. Misturei produtos que tinham um custo benefício legal. Às vezes, o arquiteto quer que o cliente invista em uma peça assinada. Eu prefiro gastar menos em alguns itens e comprar uma mesa boa, por exemplo."
  • Conheça a casa. "Antes de tudo, é preciso 'sentir' o apartamento. Nós identificamos quais os lugares da casa precisavam de uma mudança maior e fizemos as reformas gradativamente. Assim, conseguimos expressar melhor a nossa personalidade. Com pequenos passos tomamos as decisões com mais certeza."
  • Faça você mesmo. "Eu vi algumas velas retorcidas na Internet e aprendi a fazer. É algo diferente e traz um toque de personalidade. Aproveito e pinto também paninhos de prato e calças. É ótimo gastar energia criativa para construir a história da casa. É uma terapia."

@s que me inspiram

@archdigest

"A página tem uma curadoria com vários arquitetos ao redor do mundo. Tem projetos extremamente sofisticados, desde casas pequenas a hotéis."

@redeangeloni

"É a rede de supermercados que eu trabalho. Eu gosto das peças de design que são mais acessíveis para comprar."