PUBLICIDADE
Topo

Arranha-céu em NY oferece a visitantes possibilidade de escalar sua fachada

The Edge, em Nova York: Plataforma a céu aberto mais alta do ocidente é acessível "escalando" arranha-céu - Reprodução
The Edge, em Nova York: Plataforma a céu aberto mais alta do ocidente é acessível "escalando" arranha-céu Imagem: Reprodução

De Nossa

26/10/2021 16h44

O arranha-céu Hudson Yards, que abriga a The Edge — mais alta plataforma a céu aberto no Ocidente —, está oferecendo uma oportunidade única para os fãs de atividades radicais: escalar a sua fachada para chegar, enfim, ao glamouroso deque de observação.

Batizado como "City Climb NYC", ou a escalada na cidade de Nova York, o projeto abre para o público interessado em 9 de novembro, um dia após a reabertura das fronteiras americanas para turistas estrangeiros.

A "mais alta escalada a céu aberto de um prédio no mundo" acontecerá entre as plataformas acima da The Edge, entre 366 e 387 metros de altura. O Hudson Yards tem no total 400 metros de altura, mas será percorrido apenas este trajeto de pouco mais de 20 metros "nas nuvens", que deverá durar entre 1h30 e 2h por grupo de até oito visitantes.

"Nossos guias manterão os visitantes na linha com dois cabos ligados a um carrinho. Os escaladores estarão bastante seguros", garantiu Cassie Davidson, vice-presidente de marketing da Hudson Yards Experiences à revista Architectural Digest.

O início da aventura começa com uma subida de 32 degraus, de onde será possível contemplar a rua a mais de 360 metros do asfalto. Outros 161 degraus que serão percorridos a uma inclinação de 45 graus levam à última plataforma, onde visitantes poderão passar 45 minutos contemplando uma vista panorâmica de Nova York.

Está na programação uma "volta olímpica" na área de observação da The Edge, onde será possível pedir um champagne no bar, brindar e relaxar no piso de vidro externo, por exemplo.

A plataforma The Edge, em Nova York - Reprodução - Reprodução
A plataforma The Edge, em Nova York
Imagem: Reprodução

Toda a experiência City Climb NYC custa US$ 185 ou R$ 1030 por pessoa e inclui a entrada na plataforma The Edge depois do passeio, além de um vídeo da escalada.

O Hudson Yards está entre os arranha-céus nova-iorquinos andaram abusando da criatividade recentemente para ganhar a atenção dos visitantes na retomada do turismo após a pandemia.

Entre as novas opções de entretenimento nas alturas estão o observatório multissensorial espelhado do One Vanderbilt, em que se pode "flutuar" nos céus da Big Apple; as novas experiências digitais programadas para o One World Trade Center.

Em breve, o clássico observatório Top of the Rock no Rockefeller Center também deverá passar por reformas para homenagear uma das imagens mais clássicas e icônicas já feitas do horizonte da cidade.