PUBLICIDADE
Topo

"Uso camisa que meu pai vestiu no casamento, há 42 anos, para compor looks"

Letícia Beatriz de Barros Brito - Arquivo Pessoal
Letícia Beatriz de Barros Brito
Imagem: Arquivo Pessoal

Letícia Barros em depoimento a Marilia Marasciulo

Colaboração para Nossa

27/09/2021 04h00

Letícia Beatriz de Barros Brito

Letícia Beatriz de Barros Brito

Profissão

Analista de dados

Minha roupa com história

Camisa que meu pai usou no casamento dele com minha mãe

Desde a adolescência, sou fascinada por peças antigas, porque sinto que elas têm o poder de me transportar para um mundo em que não vivi. Fico pensando em como teria sido viver em um mundo tão diferente de hoje em dia, é como se cada uma contasse uma história.

Meu armário é cheio delas. Tenho várias roupas "herdadas": uma camisa da minha mãe, um casaco da minha avó, entre outras. Como saí cedo de casa, ter essas roupas é como ter um pouco deles comigo. De todas, porém, minha favorita provavelmente é a camisa que meu pai usou no casamento com minha mãe. Além de simbolizar um amor que dura mais de 40 anos, acho ela muito chique e charmosa.

Meus pais se casaram em 1979, então acredito que essa camisa tenha sido comprada nessa época, em São Paulo. Já tentei buscar a loja ou alfaiataria na internet pelo nome na etiqueta, mas nunca encontrei. Só está escrito que é de São Paulo.

Não me lembro bem da primeira vez que vi a camisa, provavelmente em alguma das vezes que minha mãe estava arrumando os armários e separando roupas para doação. Imediatamente me apaixonei e confisquei a peça".

Letícia Beatriz de Barros Brito com a camisa do pai - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
Letícia Beatriz de Barros Brito com a camisa do pai
Imagem: Arquivo Pessoal

O mais doido é que só anos depois de ter a camisa é que vi o álbum de casamento dos meus pais pela primeira vez. Essa se tornou a melhor memória que tenho dela. Não sei por que eu e minhas irmãs nunca tínhamos visto as fotos, minha mãe só nos mostrou quando eles já tinham uns 35 anos de casados. As fotos são muito lindas!

Por ter sido do meu pai, a modelagem é de uma camisa masculina, então os botões ficam no lado direito em vez do esquerdo como nas roupas femininas. Ela é de um linho um pouco transparente, com detalhes em bordado branco na frente e nas mangas, e punhos e golas bem reforçados.

Isso é o que mais gosto nela: os detalhes, apesar de discretos, dão um charme para a peça. E o tecido mais fino me permite usá-la tanto em produções mais formais quanto informais. Embora eu seja fã de roupas mais antigas, gosto de dar um toque de modernidade, usando algum acessório ou sapato mais moderno. Acho que meu estilo (cabelo azul, piercing, tatuagens) já dão um toque diferente.

A camisa é feita de linho com detalhes bordados - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
A camisa é feita de linho com detalhes bordados
Imagem: Arquivo Pessoal

Trabalhei por bastante tempo em lugares corporativos, então usava a camisa com alguma saia de cintura alta ou calça social. Mas já usei também em um aniversário com um shorts de cintura alta — aliás, esse foi outro momento marcante com ela. Foi meu primeiro aniversário depois de me mudar de Indaiatuba para São Paulo, uma mudança que transformou minha vida. E a camisa estava comigo.

Acredito que ela deva continuar comigo por bastante tempo. Apesar de ela já ter uns rasguinhos, o que considero uma vitória para uma roupa de 42 anos, ainda pretendo usar muito. E acho que mesmo depois que ela se torne inutilizável, vou querer guardar como uma lembrança de toda a história que ela carrega.

Como usar

Alfaiataria esportiva

Quando usadas com tênis esportivos, as peças de alfaiataria ganham cara de street style urbano.

Dia a dia

Seja para homens ou mulheres, o combo camisa branca e calça jeans ou kháki é despretensioso e infalível. Para um ar ainda mais casual, dispense o cinto se usá-la por dentro da calça.

Tradutor: "Uso até hoje a camisa que meu pai vestiu no casamento para compor look"