PUBLICIDADE
Topo

Ovos em nuvem inovam o café da manhã e levam só 10 minutinhos

Claras em "nuvem" e bacons flutuantes: pedida é servida como entrada ou acompanhamento - Lilian Sá
Claras em "nuvem" e bacons flutuantes: pedida é servida como entrada ou acompanhamento Imagem: Lilian Sá

Gabrielli Menezes

De Nossa

03/03/2021 04h00

Lilian Sá

Lilian Sá

QUEM É

A mineira que mora em São Paulo desde 2002 descobriu o seu dom para a culinária num ano sabático. As dicas de cozinha compartilhadas sem muita pretensão deram início ao perfil do Instagram que hoje soma 190.000 pessoas.

Os chamados "ovos em nuvem" são fáceis como ovos fritos, impressionantes como os beneditinos e versáteis como omeletes. Rapidinhos, podem ser feitos para uma ou várias pessoas: o trabalho é o mesmo.

A tarefa inicial é separar as gemas e as claras. Enquanto o primeiro grupo aguarda, o segundo é batido numa tigela até ficar com a consistência de neve. Ingredientes extras a escolha do freguês, como bacon e queijo ralado, são misturados delicadamente às claras.

Cloud eggs - Lilian Sá - Lilian Sá
Gemas cremosas: colocadas sobre nuvem de claras
Imagem: Lilian Sá

A mistura é separada em montinhos numa forma antiaderente. O centro deve ser levemente pressionado para formar um buraquinho onde a gema será acomodada posteriormente.

A passagem pelo forno é dupla. Primeiro, as nuvens vão sozinhas por alguns minutinhos e, depois, voltam para o forno rapidamente com as gemas, para garantir o cozimento.

A advogada e produtora de conteúdo Lilian Sá, que compartilhou a receita completa com Nossa, diz que esse é o café da manhã ou acompanhamento mais bonito e fácil que ela conhece:

A gema é cremosa e as claras ficam parecendo almofadinhas. Quando você morde, os bacons estão flutuando nela".

Veja o passo a passo completo clicando no card abaixo:

Ovos em nuvens

Dificuldade Fácil
2 porções
10 min
Ver receita completa

Cozinha: um caminho para o amor próprio

Lilian conseguiu conquistar uma legião de pessoas ao mostrar dicas bacanas e receitas que descomplicam a gastronomia. Entre os pratos estão preparos pá-pum, como os ovos em nuvem, e comidas que podem ser congeladas — não à toa, ficou marcada entre seus seguidores pelo bordão "quem congela sempre tem".

"Foi ensinado para gente, num storytelling da indústria alimentícia, que cozinhar é difícil demais. Minha ideia é o contrário: mostrar que a cozinha é prazerosa e que é também para o executivo e para a mulher bem-sucedida. Não precisa de trufas brancas para fazer um bom prato".

O gosto pela comida simples e de afeto vem de família. Lilian nasceu e cresceu em Minas, onde a cultura se dá ao redor da mesa, e se mudou para São Paulo já casada e grávida.

Formada em advocacia, ela trabalhou em escritórios até se cansar e decidir tirar um ano sabático. Foi nesse período, mais precisamente em 2015, que teve seu talento no fogão "descoberto" por um amigo, que a encorajou a compartilhar a habilidade na internet.

O Instagram começou de forma despretensiosa, mas logo demonstrou um potencial de crescimento orgânico. Outros assuntos, como autoestima, aceitação e autoconhecimento foram ganhando espaço nas redes, que ainda têm um dia dedicado ao prazer da gula.

"Hoje, temos a 'terça-feira na cozinha', no IGTV ou nos stories. Cozinho ao vivo mesmo, muitas vezes o fogão está sujo. As pessoas brincam e se identificam com isso.

Ser de verdade é lindo".

Confira o vídeo da receita: