PUBLICIDADE
Topo

Pé-direito duplo garante maior amplitude, luz e circulação de ar para casa

Confira algumas dicas para não ter problemas com o pé-direito duplo na decoração da casa - Reprodução/Pinterest
Confira algumas dicas para não ter problemas com o pé-direito duplo na decoração da casa Imagem: Reprodução/Pinterest

De Nossa

09/10/2020 11h20

A maior ambição para qualquer um dentro de casa é ter espaço para curtir o ambiente e receber luz. É onde entram os benefícios do pé-direito duplo na hora de ter a sua casa.

O termo é usado para denominar a altura entre o piso e o teto do ambiente, como conta a arquiteta Karina Korn, do escritório Karia Korn Arquitetura.

"Normalmente, o usual é entre 2,50 e 2,60 metros e, no caso de um pé-direito duplo, ele alcança o dobro dessa altura, a partir de 5 metros.

Ao investir no pé-direito duplo, a ideia é conquistar maior amplitude visual ao projeto, além de garantir maior circulação de ar e entrada de luz natural.

"Quanto mais alto, mais agradável fica o ambiente", complementa.

Decoração

Estante de livros criada a partir da parede com pé-direito duplo - Reprodução/Pinterest - Reprodução/Pinterest
Estante de livros criada a partir da parede com pé-direito duplo
Imagem: Reprodução/Pinterest

A dica, de acordo com a arquiteta, é garantir que o local não fique desproporcional no seu tamanho e na hora de colocar os enfeites na parede — para que eles não fiquem inalcançáveis à visão.

"Não dá para colocar um porta-retrato, pois não condiz com o tamanho do ambiente. É preciso investir em peças maiores, como esculturas ou obras de arte", diz.

Um dos segredos é criar uma divisão, o que pode ser auxiliado com o uso de cores na parede: "Nesses casos, recomendo dividir visualmente o pé-direito em dois trechos. Da metade para cima, vale criar um tipo de parede diferente ou um mural de quadros, por exemplo", fala Karina.

Cortina e iluminação

Sala de estar com pé-direito duplo e cortinas cobrindo toda a estrutura - Reprodução/Pinterest - Reprodução/Pinterest
Sala de estar com pé-direito duplo e cortinas cobrindo toda a estrutura
Imagem: Reprodução/Pinterest

Outra dúvida comum em relação aos pés-direitos duplos é sobre a escolha de cortina ou persiana. Na opinião da arquiteta, o truque é evitar esses acessórios que cobrem apenas a janela.

"Gosto de vestir toda a parede, como se fosse a cortina de um palco", aconselha Karina Korn.

A iluminação também é importante para ambientes com pé-direito duplo. Em áreas de uso social, como hall, sala de estar ou jantar, grandes lustres são indicados para que o local seja valorizado e tenha o toque especial necessário.

"Além dessa luz central, pequenas luminárias com focos distribuídos no local podem ser inseridas de forma complementar, para que quadros, paredes verdes, esculturas, revestimentos, circulação, entre outros, ganhem destaque e sejam enaltecidos", revela Gabriela Yokota, da Yamamura, especialista em iluminação.