PUBLICIDADE
Topo

"Louca dos chocolates" cria bombons e doces que encantam olhos e paladar

Barrinha: ideal para quem ainda não trabalha com chocolate - Divulgação
Barrinha: ideal para quem ainda não trabalha com chocolate Imagem: Divulgação

Gabrielli Menezes

De Nossa

26/08/2020 04h00

Michelle Kallas

Michelle Kallas

QUEM É

Num ato de coragem, ela pediu demissão do escritório de advocacia onde trabalhava para se dedicar ao que ama e abrir a Mica Crafted Chocolates. Desde criança, se considera a 'louca do chocolate' e não passa um dia sem o doce.

"Mas você vai largar tudo para fazer chocolate?". Essa era a pergunta mais ouvida pela Michelle Kallas quando ela decidiu mudar de profissão. A advogada foi do mundo corporativo ao empreendedorismo: há dois anos, abriu a Mica Crafted Chocolate, marca de bombons para presentear.

O sucesso foi quase instantâneo e a explicação está nos próprios chocolates. Lindos, os docinhos brilham nas redes sociais. E literalmente: cada trufinha é pintada com manteiga de cacau mais corante. O resultado é um acabamento delicado e reluzente.

Mica Crafted Chocolates - Divulgação - Divulgação
Os bombons: detalhes são pintados à mão
Imagem: Divulgação

Para compor a cor dos bombons, a advogada usa máquinas como compressor e aerógrafo. Detalhes são pintados à mão com pincel. As técnicas foram importadas de Los Angeles, mais precisamente da especialista americana Melissa Coppel, com quem Michelle fez um curso.

Como se não bastasse a beleza, o chocolate da Mica ainda é gostoso e diferentão. Leva recheios nada básicos como azeite, caramelo com sal, torta de limão e ganache de hibisco com base crocante de framboesa

 ganache de hibisco com base crocante de framboesa - Divulgação - Divulgação
Sabores inusitados: ganache de hibisco com base crocante de framboesa
Imagem: Divulgação

"Louca dos chocolates"

Chocólatra assumida, Michelle não passa um dia ser comer um pedacinho. "Na minha casa sempre teve o armário de doces. Eu e minha família comprávamos muita coisa e deixávamos lá", conta.

Quando eu chegava na casa de outros parentes, dizia: 'tia, onde é o armário de doces?' Achava que era uma instituição da casa"

Comece pelo começo

Barrinha de chocolate com dragée

Dificuldade Médio
10 porções
45 min
Ver receita completa

Mais simples do que os bombons, as barrinhas são uma ótima forma para dar os primeiros passos no universo do cacau. A primeira sugestão é escolher uma marca boa e evitar as opções hidrogenadas, com gordura vegetal.

Isso porque, embora sejam mais fáceis de trabalhar por não precisar realizar o processo chamado de temperagem (que dá brilho e consistência pro chocolate), o derretimento na boca é mais lento e, por isso, mais desagradável.

A receita que Michelle compartilha aqui em Nossa é colorida como suas criações. Trata-se de uma barra de chocolate ao leite com confeitos de açúcar, também chamado de dragée.

Do seu jeito

É importante dizer que o passo a passo serve de base para outras combinações. "O dragée pode ser substituído por qualquer ingrediente seco, como flocos de arroz, castanhas, biscoitos, marshmallow ou cereal", diz a chocolatier.

Barrinha Mica Crafted Chocolates - Divulgação - Divulgação
Branco, ao leite ou meio amargo: passo a passo é o mesmo
Imagem: Divulgação

Também não é preciso ficar restrito ao chocolate ao leite: "eu gosto também de harmonizar esses elementos com o tipo de chocolate escolhido. O pistache, que tem sabor mais suave, combina muito com chocolate branco. Já as versões amargas, pedem acompanhamentos mais marcantes como sal especial ou café. O céu é o limite e o mais legal aqui é fazer diversos testes com sabores inusitados!".