PUBLICIDADE
Topo

Cabana de 24 m² feita com madeira e cimento é refúgio ideal no isolamento

Gustavo Frank

De Nossa

07/07/2020 04h00

A pandemia do coronavírus está mudando diversas percepções, desde a moda até a gastronomia, e na arquitetura não é diferente. Agora, os designers procuram criar projetos que abracem o isolamento — mesmo que futuramente ele não seja uma medida necessária.

Um exemplo disso é a The Mountain Refuge, criado por dois arquitetos do estúdio Gnocchi + Danesi Architects, de Milão, na Itália.

A estrutura da casa é criada a partir de uma pequena cabine pré-fabricada com formatos simples e mínimos que remetem às cabanas nas montanhas.

The Mountain Refuge é um projeto criado por dois arquitetos de um estúdio italiano para criar uma cabana estruturada para experiências no isolamento - Reprodução/Instagram/@themountainrefuge - Reprodução/Instagram/@themountainrefuge
The Mountain Refuge é um projeto criado por dois arquitetos de um estúdio italiano para criar uma cabana estruturada para experiências no isolamento
Imagem: Reprodução/Instagram/@themountainrefuge

Pequeno espaço para grandes experiências

The Mountain Refuge - Reprodução/Instagram/@themountainrefuge - Reprodução/Instagram/@themountainrefuge
Projeto pode ser ampliado para mais cômodos e ainda transmitir a mesma sensação de intimidade
Imagem: Reprodução/Instagram/@themountainrefuge

A infraestrutura é composta por dois cômodos que formam uma casa de 24 metros quadrados, mas acrescentaram também a possibilidade de incorporar um ambiente adicional de 12 metros quadrados, podendo cobrir uma área total de 36 metros quadrados.

Pronto para ser desenvolvido, o projeto permite ser construído em qualquer lugar e superfície. No entanto, os arquitetos responsáveis pela tiny house especificaram que, em locais com temperaturas mais extremas, principalmente no frio, a recomendação é de que, além da madeira, seja utilizada uma estrutura de concreto para preservar a temperatura interna.

Cimento e madeira

Na parte exterior, a "cabana" é completamente coberta com uma camada de concreto, que além de lhe proporcionar um ar misterioso e escuro, torna a estrutura impermeável.

Já na estrutura interior, a opção de deixar a madeira compensada exposta, praticamente em estado cru, transforma imediatamente o "Refúgio da Montanha" em um local caloroso e acolhedor, perfeito para quem procura um local para se afastar dos centros urbanos e levar um final de semana — ou por que não uma vida? — mais pacífica.

Um dos principais destaques do projeto é a janela larga que permite, mesmo dentro da casa, um contato com a natureza, criando a sensação de segurança durante o dia e a noite.