PUBLICIDADE
Topo

Saiba qual é o revestimento ideal de panela para cada tipo de cozimento

Cada revestimento de panela tem especificidades que podem ajudar muito na cozinha - Divulgação
Cada revestimento de panela tem especificidades que podem ajudar muito na cozinha Imagem: Divulgação

De Nossa

19/06/2020 12h26

Na hora de comprar uma panela nova, conhecer bem o revestimento pode ajudar bastante na escolha entre as diversas opções oferecidas no mercado.

Antiaderente, aço inox, vidro e cerâmica... cada um deles tem uma função e especificidades que determinam o sucesso daquele prato especial ou da comidinha do dia a dia.

Elzio Callefi, chef da Tramontina, indica quais as panelas ideais para cada tipo de preparo, dos mais longos aos cozimentos rápidos, como o de um arroz.

Inox

Panela de inox - Divulgação/Tramontina - Divulgação/Tramontina
Imagem: Divulgação/Tramontina

Essas panelas são ideais para alimentos que exigem cozimentos de média e longa duração, como carnes e molhos. A crostinha gerada no fundo, com o acréscimo de líquidos, gera molhos saborosos e encorpados.

Outras vantagens são que o material não libera nenhum tipo de resíduo na comida e, como não é um material poroso, não deixa cheiro na panela.

Antiaderente

Frigideira com antiaderente - Divulgação/Tramontina - Divulgação/Tramontina
Imagem: Divulgação/Tramontina

Recomendado para cozimentos mais rápidos de receitas delicadas e trabalhadas a baixa temperatura, o material é um facilitador na cozinha, evita perda e que o alimento grude.

O chef sugere para preparos como o arroz e alimentos mais delicados como um peixe, ou panqueca, crepe, omelete e receitas com ovos em geral.

Cerâmica

Frigideiras com revestimento de cerâmica - Divulgação/Tramontina - Divulgação/Tramontina
Imagem: Divulgação/Tramontina

Este revestimento, mais duro e resistente do que o antiaderente, permite esfregar para soltar um pouco de resíduo que ficou na panela, sem danificar.

Para Callefi, seu uso é ideal principalmente para cozinhar rapidamente, como o preparo de legumes salteados, já que agrega mais calor. "É possível também fritar ou selar uma carne, mas vale aproveitar o cerâmico para cozimentos rápidos - assim evitamos que os alimentos liberem todo seu suco", ressalta.