PUBLICIDADE
Topo

O bordado se reinventa nas mãos de jovens designers

Grupo de amigas formadas em design se juntam para fazer arte com tecido - Arquivo Pessoal
Grupo de amigas formadas em design se juntam para fazer arte com tecido Imagem: Arquivo Pessoal

Carol Scolforo

Colaboração para Nossa

25/05/2020 04h00

Clube do Bordado

Clube do Bordado

QUEM SÃO

Renata Dania e suas sócias formam o grupo de designers à frente do Clube do Bordado, que ensina bordado contemporâneo

"Bordar é um jeito de ilustrar. Só muda a textura", diz Renata Dania. Há seis anos, ela e um grupo de amigas formadas em design se juntavam para fazer isso. Algumas já haviam bordado, outras começavam a se interessar por linhas, agulhas e bastidores.

Coisa de vó? Que nada! A maioria delas tem entre 20 e 30 anos. Com o tempo, perceberam que o interesse das pessoas era crescente, mas por temas que causavam uma ruptura nas tradições. "Fizemos uma coleção com ilustrações eróticas e isso chamou muita atenção. Trouxe uma novidade", conta. Era o bordado livre contemporâneo.

Clube do Bordado - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
Grupo de jovens busca uma nova narrativa para o bordado nas gerações mais novas
Imagem: Arquivo Pessoal

Ao encontrar essa expressão, o hobby acabou se tornando empresa depois de um ano. "Vimos que todas o grupo tinham necessidade de sair um pouco das telas do computador e fazer algo com as próprias mãos", conta. No caminho, as empreendedoras perceberam que havia mais de 500 pontos diferentes dentro da técnica e criaram cursos presenciais e online, assim como parceria com marcas.

O bordado é incrível. Depois dos primeiros aprendizados, a técnica induz a um estado meditativo. Isso é comprovado por um estudo de Harvard"

A procura teve um boom no último mês: "Ganhamos 10 mil seguidores orgânicos", diz Renata, que cuida de relações comerciais, marketing, cursos e também de conteúdos. Isso retrata a busca por manualidades, uma das tendências citadas por futuristas para esses tempos de pandemia da covid-19. "As atividades em casa aumentaram, claro. Mas o bordado é um momento só seu, por isso tem sido crescente a procura", aponta.

Como aprender a bordar

Bordado - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
Por meio das redes sociais, Renata dá dicas e ensina seguidores a bordar
Imagem: Arquivo Pessoal

No instagram @clubedobordado e no YouTube ela e as amigas ensinam a bordar com o que você tiver em casa. Nos destaques do perfil, vários tutoriais — e a própria Renata responde a quem envia mensagens sobre onde encontrar produtos, como começar e o que mais for preciso. "Hoje bordo mais para o trabalho do que pra mim. Mas é natural quando o hobby se transforma em um negócio", ri.

Dicas para começar? "Assistir os tutoriais, seguir perfis que te inspirem e improvisar, sem se cobrar muito. Temos recebido mensagens emocionantes de pessoas que estão conseguindo bordar fazendo isso".

A lição do bordado contemporâneo

Bordado - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
Cores se misturam para criar efeito do bordado contemporâneo
Imagem: Arquivo Pessoal

Bordado - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
Técnica exige paciência e desapego do mundo exterior para ser executada
Imagem: Arquivo Pessoal

Deixar o celular e a impaciência de lado é o passo mais importante pra quem está disposto a bordar. "O bordado tem outro tempo. Passar a agulha, voltar, ver a textura se criar é muito positivo e nos traz ao presente. É uma maneira de voltar a entender nossa relação com o tempo", explica. Jamais comece ansiosa por ver o trabalho pronto no mesmo dia. Paciência.

Dá para encomendar?

Bordado - Arquivo Pessoal - Arquivo Pessoal
Cursos on-line são disponibilizados para maiores aprendizados sobre o bordado e as técnicas que o envolvem
Imagem: Arquivo Pessoal

O Clube do Bordado não aceita encomendas. Estão à venda os cursos on-line de bordado livre para iniciantes e de aquarela em bordado, além do plano de assinatura que inclui um desenho (risco) por mês, com guia, foto dele pronto e uma folha com outros desenhos. É para colocar as mãos à obra e o tédio bem longe.