PUBLICIDADE
Topo

Transforme os cômodos da sua casa usando apenas a iluminação

Sala de estar pode ganhar nova vida com alguns bons truques de iluminação - iStockphotos
Sala de estar pode ganhar nova vida com alguns bons truques de iluminação
Imagem: iStockphotos

Gustavo Frank

De Nossa

18/05/2020 04h00

Criar a ilusão de que é maior, aconchego e divisórias em ambientes: essas são algumas das vantagens que a iluminação pode trazer para os ambientes.

Quando estrategicamente usadas, as luzes podem transformar todos os cômodos da casa. A arquiteta Nicole Gomes, CEO da Labluz, compartilha com os leitores de Nossa algumas dicas para mudar a cara da sala de estar até o banheiro do seu cantinho.

Sala de estar

Procure usar a luz para pontos de destaques na sala de estar, como itens de decorações  - iStockphotos
Procure usar a luz para pontos de destaques na sala de estar, como itens de decorações
Imagem: iStockphotos

A arquiteta recomenda não focar a luz, seja com abajures ou lâmpadas direcionadas, em lugares de permanência, como sofás e poltronas. Esse tipo de iluminação é ideal para destaque de objetos, como quadros, esculturas, revestimentos e outros detalhes para os quais você queira chamar a atenção. "Lembre-se que esses pontos serão os primeiros a serem vistos quando a pessoa entrar no ambiente", diz.

"Invista também na iluminação em marcenaria para compor a iluminação do ambiente", recomenda.

Outra ideia é criar uma divisão dos circuitos de sua instalção elétrica do cômodo. Além de gerar economia de energia, você gera possibilidades de acendimento de forma parcial para fornecer um clima intimista ao cômodo.

Para este efeito, a especialista indica também os abajures com cúpula de tecido e luminárias de piso, pois proporcionam luz difusa ao ambiente.

Sala de jantar

Dimer, para controlar a luz, e distância do pendente para a mesa devem ser levados em conta - iStockphotos
Dimer, para controlar a luz, e distância do pendente para a mesa devem ser levados em conta
Imagem: iStockphotos

Usar o dimer, que modula a intensidade da luz, é uma boa alternativa para este tipo de ambiente, pois cria possibilidades para o espaço. Luz mais suave para um jantar mais romântico ou intensa para uma festa, por exemplo.

No caso da presença de um pendente sobre a mesa, pensar na altura é primordial. O ideal é que a peça decorativa esteja de 60 a 80 cm a partir do tampo.

Nicole, no entanto, recomenda pensar também em outros tipos de luminárias para decorar a mesa de jantar, como arandelas, por exemplo.

"A iluminação da mesa não deve ser a única responsável por iluminar o espaço, o ideal é que você tenha um circuito de apoio para que o pendente não precise ser tão intenso e não fique com uma iluminação tão pesada".

Quarto

A preferência para a iluminação do quarto deve ser para as lâmpadas quentes, por criarem aconchego ao ambiente - iStockphotos
A preferência para a iluminação do quarto deve ser para as lâmpadas quentes, por criarem aconchego ao ambiente
Imagem: iStockphotos

A dica para a área privativa da casa é abusar da luz indireta. A arquiteta reforça a qualidade delas para proporcionar aconchego ao ambiente.

"Use luz amarelada! Isso porque o corpo assemelha essa luz com a luz natural do entardecer. Por esse motivo, o corpo fica mais relaxado e propicio para uma boa noite de sono", recomenda.

Para isso, algumas das opções são incluir arandelas ou abajures ao lado da cama. Esses itens podem auxiliar na hora da leitura noturna ou para alguma atividade durante a noite.

"É legal também sair do ponto central. Ilumine a área da janela, a cabeceira e outros pontos de destaque", acrescenta.

Banheiro

O ideal para o banheiro são as luminárias centralizadas com luz difusa - iStockphotos
O ideal para o banheiro são as luminárias centralizadas com luz difusa
Imagem: iStockphotos

Na bancada, evite focos de luz, pois ela cria uma sombra que pode prejudicar na hora de fazer a barba ou maquiagem.

O ideal para esse espaço são luminárias centralizadas com luz difusa ou luz frontal, que tira todas as sombras e ilumina o rosto de forma homogênea.

Outra dica muito importante é a tonalidade da luz. Quando ela é muito branca, realça mais os tons azuis, se for muito amarela, os tons terrosos são mais destacados. Neste caso, o ideal é usar lâmpada com 3000 k + IRC (Índice de reprodução de cor) alto.

Também no banheiro vale dividir os circuitos e criar possibilidades de acendimento para mais economia e conforto para os usuários do ambiente.

Cozinha

É importante ter atenção nas bancadas na cozinha com a iluminação para não criar sombras indesejadas - iStockphotos
É importante ter atenção nas bancadas na cozinha com a iluminação para não criar sombras indesejadas
Imagem: iStockphotos

Segundo a arquiteta, a luz da cozinha deve ter a mesma tonalidade que os demais cômodos.

Entre suas recomendações estão as lâmpadas de LED, que por serem peças longilíneas, trazem um refinamento no projeto. Ou inclua no seu projeto marcenaria iluminada. "Traz charme ao ambiente e pode ser um circuito funcional também para bancadas de trabalho, por exemplo", conta.

Dentro da cozinha, a bancada da pia é um ponto a ser observado com atenção. Normalmente a luz geral da cozinha, por ficar no centro, se posiciona atrás de quem está no local e por isso causa sombras.

O indicado é colocar um foco bem centralizado também na pia, como luz de apoio.

"Inclua arandelas ou luminárias de clips. Elas ajudam na iluminação e proporcionam um charme ao ambiente", diz.

Home office

Luminárias focadas na mesa de trabalho são essenciais para criar ambiente adequado para o home office - iStockphotos
Luminárias focadas na mesa de trabalho são essenciais para criar ambiente adequado para o home office
Imagem: iStockphotos

Com muitos trabalhando em casa e criando uma própria área para o home office, esse ambiente não fica de fora.

A indicação é usar tons neutros e posicionar a luminária em cima da área de trabalho, para, dessa forma, evitar sombras na mesa.

"Use luminárias flexíveis para ajudar na iluminação, como as de mesa, de piso e arandelas", opina.