PUBLICIDADE
Topo

Com 1.098 quilates, diamante achado na Botsuana é o 3º maior do mundo

O presidente Mokgweetsi Masisi com o diamante de 1.098 quilates - Monirul Bhuiyan / AFP
O presidente Mokgweetsi Masisi com o diamante de 1.098 quilates Imagem: Monirul Bhuiyan / AFP

16/06/2021 13h49

A empresa Debswana, produtora de diamantes em Botsuana, anunciou nesta quarta (16) a descoberta de um diamante de 1.098 quilates, o terceiro maior do tipo já encontrado no mundo.

A pedra, encontrada em 1º de junho, foi exibida ao presidente do país, Mokgweetsi Masisi, na capital Gaborone. Lynette Armstrong, diretora da Debswana, afirmou que o diamante é considerado o terceiro maior do mundo.

A Debswana é controlada em conjunto pelo Estado e pela empresa sul-africana De Beers. O maior diamante conhecido do mundo é o "Cullinan", de mais de 3.100 quilates, encontrado na África do Sul em 1905.

O segundo, de 1.109 quilates, foi encontrado em 2015 na mina de Karowe, nordeste de Botsuana, maior produtor africano de diamantes.