PUBLICIDADE

Topo

Meteoro Por Trás da Cena


Meteoro por Trás da Cena: combate a preconceito marca "Brooklyn Nine-Nine"

MOV Vídeos

13/12/2019 04h00

"Brooklyn Nine-Nine" é uma série de comédia policial e está a caminho da sétima temporada. O programa chegou a ser cancelado, mas os protestos nas redes sociais foram tão fortes que, em um dia, a atração havia sido renovada após ser comprada pela NBC. E por que faz tanto sucesso? Este é o tema deste episódio de Meteoro Por Trás da Cena. Porque os personagens são mais profundos do que costumam neste tipo de série e fogem aos estereótipos mais comuns. "Brooklyn Nine-Nine" é o tipo de comédia que aborda grupos diversos em ambientes de trabalho. As personalidades dos policiais são mais importantes que os crimes ou as investigações. A marca do programa policial é justamente desafiar as representações de gênero e de sexualidade. O chefe de polícia, Capitão Ray Holt, é um negro gay, mas interpretado sem qualquer tipo de afetação caricata (que acaba reforçando o preconceito), por Andre Braugher. Além dele, há outro personagem negro em posição de liderança, o conhecido Terry Crews, famoso no Brasil por ?Todo Mundo Odeia o Chris?, que interpreta o sensível Terry Jeffords. Não bastassem os dois personagens citados acima, há duas personagens femininas latinas e fortes (Rosa Diaz/Stephanie Beatriz e Amy Santiago/Melissa Fumero) em posições de destaque e dois homens brancos héteros (Jake Peralta/Andy Samberg e Charles Boyle/Joe Lo Truglio) que fogem ao padrão de masculinidade tóxica. É obrigatório afirmar que boa parte do sucesso e do carinho do público pelo programa vem daí. Em 2019, cerca de 6 milhões de pessoas assistiram a ?Brooklyn Nine-Nine? via TV ou serviço de streaming.

Meteoro Por Trás da Cena