PUBLICIDADE
Topo

Vôlei

Em evento, Bernardinho diz estar disposto a concorrer a governador do RJ

Bernardinho durante jogo contra a Argentina na Olimpíada de 2016 - Alexandre Loureiro/Getty Images
Bernardinho durante jogo contra a Argentina na Olimpíada de 2016 Imagem: Alexandre Loureiro/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

31/10/2017 15h45

Em um evento de empreendedorismo em São Paulo, o técnico Bernardinho falou pela primeira vez que está disposto a concorrer ao cargo de governador do Rio de Janeiro. Promovido pela organização Endeavor, que apoia empreendedorismo e empreendedores, o bicampeão olímpico disse que encararia o desafio na política se tivesse um ‘time para jogar junto com ele’.

“Estou disposto a ir, mas preciso de algumas anuências que me façam ter uma base para enfrentar esse desafio. Preciso de uma equipe que entre em campo comigo para jogar junto, para que a gente possa fazer aquilo que a gente acredita, que é investir – e muito – na educação, empreendedorismo, saúde e na segurança pública, que é o nosso principal problema”, falou o treinador.

Até o momento do evento, Bernardinho negava publicamente qualquer especulação sobre sua possível vida na política. Sua filiação voltou à tona com o Partido Novo no estado do Rio.

A reportagem do UOL Esporte apurou que Bernardinho é um dos nomes possíveis à candidatura ao cargo de governador do Estado do Rio de Janeiro pelo Partido Novo. Nada foi decidido internamente e existem outros nomes em potencial. 

“Me digam vocês, se eu abraçar a causa, eu não sei como vai ser... eu não sei se eu quero ser esse nome com credibilidade para enfrentar o sistema, que é forte. Porque tem uma coisa que eu vou fazer desde o primeiro momento: vou dizer a verdade. A verdade é que a empresa Rio de Janeiro está falida. E isso é uma realidade dura”, completou Bernardinho.

O filho do técnico, o levantador Bruninho, já tinha falado a reportagem do UOL Esporte que o assunto era debatido internamente, com a família, mas nenhuma conclusão havia sido tomada.
 

Vôlei