PUBLICIDADE
Topo

Vôlei

Líbero da seleção sai de quadra no colo de Bernardinho após grave lesão

Gabi Guimarães rompeu ligamentos do joelho direito - Reprodução/Sportv
Gabi Guimarães rompeu ligamentos do joelho direito Imagem: Reprodução/Sportv

Do UOL, em São Paulo

21/10/2017 15h57

Gabi Guimarães, líbero da seleção brasileira feminina de vôlei e ponteira do Sesc/Rio de Janeiro, sofreu uma grave lesão no duelo desta sexta-feira entre seu clube e o Barueri, pela Superliga, e saiu de quadra carregada pelo técnico Bernardinho.

Um dos destaques até então na partida, vencida pelos cariocas por 3 sets a 2 (com parciais de 24/26, 23/25, 25/22, 25/23 e 15/12), a jogadora se machucou no último set ao desferir um ataque e cair de mau jeito.

Com a mão no joelho direito, Gabi gritou de dor e chocou tanto as companheiras de equipe (algumas chegaram a chorar em quadra) como as adversárias e José Roberto Guimaraes, técnico do time paulista. Sem conseguir se levantar, ela foi retirada de quadra carregada por Bernardinho e outros integrantes da comissão técnica dos atuais campeões da Superliga.

Submetida a exames, a atleta informou neste sábado em suas redes sociais que rompeu os ligamentos do joelho direito e terá que ser operada, o que deve afastá-la do esporte de seis a oito meses.

Na postagem, Gabi Guimarães enalteceu o apoio de fãs, familiares e amigos e também a atitude das companheiras de equipe, que venceram o tie-break do duelo de estreia da principal competição nacional mesmo após o abalo provocado pela sua grave lesão no Rio de Janeiro.

“Triste por saber que ficarei um longo período longe do que mais amo fazer. Agora preciso focar na minha recuperação e estarei com o coração apertado por não poder ajudar da maneira que eu queria o meu time! Fico tranquila por estar em boas mãos, com excelentes profissionais que confio”, escreveu a líbero e ponteira.

Vôlei