PUBLICIDADE
Topo

Podcast

UOL São Paulo

O podcast para o torcedor tricolor


ANÁLISE

Texto baseado no relato de acontecimentos, mas contextualizado a partir do conhecimento do jornalista sobre o tema; pode incluir interpretações do jornalista sobre os fatos.

UOL São Paulo #24: Daniel Alves jogou nome do Tricolor na lama

Do UOL, em São Paulo

10/08/2021 16h00

Daniel Alves criou polêmica ao fazer duras críticas ao São Paulo após ganhar a medalha de ouro olímpica. Entre outras coisas, o lateral disse que o clube "falhou" com ele e "o que faço pelo São Paulo não está ao alcance do que o São Paulo faz por mim". As declarações não pegaram bem com a torcida.

No podcast UOL São Paulo #24 (ouça na íntegra no episódio acima), o apresentador Pedro Lopes, o colunista Menon e o setorista Brunno Carvalho analisaram os dois lados do caso e consideraram a atitude do lateral uma 'falta de respeito', mesmo que o clube tenha uma dívida elevada com o atleta.

"Essas questões trabalhistas são muito simples: quem deve está errado. Não há discussão. Se o Daniel Alves quisesse colocar o São Paulo na Justiça é um direito dele. O que acho completamente imbecil e uma falta de educação e de respeito com o clube é fazer isso em um momento no qual ele acabou de ganhar uma medalha de ouro. Ele coloca o nome do clube no lixo, na lama. Foi um absurdo o que ele fez", criticou Menon.

Carvalho destacou que a postura do clube foi a de não confrontar o lateral publicamente. "O único posicionamento do São Paulo foi parabenizar Daniel Alves e a seleção brasileira pelo título e falar que estava focado nos jogos da Libertadores e do Brasileirão. O São Paulo entende que o problema não é da gestão Casares e não tem por que entrar em confronto com o Daniel Alves em um momento tão importante da temporada. A gestão entende que está pagando os salários em dia", disse o repórter.

Embora Daniel Alves seja um jogador importante para o elenco, Menon acha que o Tricolor deveria buscar uma saída amigável com o lateral. "Se eu fosse presidente do São Paulo, tentaria fazer um acordo para romper o contrato. Não pelo que ele falou, mas porque o São Paulo não tem dinheiro para pagar essa dívida. Está pagando R$ 1,5 milhão por mês [de salário]. Será que está valendo a pena agora? Eu acho que não", opinou o colunista do UOL.

Para Carvalho, a atual diretoria do São Paulo não deve tomar qualquer atitude em relação ao lateral. "Não é uma crítica a eles, mas sim à gestão anterior. A ideia é não entrar em embate e esperar uma resposta do Daniel Alves em campo para fazer as pazes com a torcida, que em um breve momento o perdoou por ter ido à Olimpíada. Nas redes sociais, todos estavam comemorando e, minutos depois, ele deu aquela declaração e todos voltaram a se incomodar. A expectativa é que, contra o Palmeiras, ele consiga recuperar esse perdão", completou.

Ouça o podcast UOL São Paulo e confira também o debate sobre quais são as metas da equipe no Brasileirão. Dá para pensar em uma vaga na Libertadores?

Os podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts e em todas as plataformas de distribuição de áudio. Você pode ouvir UOL São Paulo, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Amazon Music e YouTube.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL