PUBLICIDADE
Topo

Futebol

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Arnaldo: Palmeiras é um time sólido, o mais difícil de ser batido no Brasil

Do UOL, em São Paulo

27/07/2021 04h00

O Palmeiras atingiu a sua nona vitória consecutiva ao bater o Fluminense no último sábado (24), sendo que sete triunfos ocorreram pelo Campeonato Brasileiro, no qual lidera com vantagem de três pontos para o Atlético-MG, segundo colocado, em busca do título que faltou a Abel Ferreira na temporada passada, quando venceu a Copa do Brasil e a Libertadores.

No podcast Posse de Bola #146, Arnaldo Ribeiro destaca o perfil de equipe para campeonato de pontos corridos que o Palmeiras hoje demonstra e aponta que a equipe de Abel é a mais sólida do futebol brasileiro, por dificilmente ser derrotada, tendo até agora no Brasileirão apenas as derrotas para Flamengo e Red Bull Bragantino nas rodadas iniciais, além de um empate e 10 vitórias. Ele também destaca as semanas livres para treinar devido à eliminação na Copa do Brasil como um fator que pode ajudar.

"Desde o começo do Brasileiro, essa atitude de time de pontos corridos, que não aconteceu no ano passado, foi o campeonato que o Abel não comandou o Palmeiras parta disputar título e desta vez eu acho que está claro pelo discurso, pela atitude dos jogadores e pela largada, claro, que a prioridade é o Brasileiro, é um time sólido demais, eu acho que é o time mais difícil de ser batido no futebol brasileiro em termos defensivos, é difícil marcar gol no Palmeiras", diz Arnaldo.

"O Abel aprendeu a questão dos pontos corridos no Brasil e acho que, além de tudo, tem uma coisa importante no horizonte aí dos próximos dias e das próximas semanas do Palmeiras que são confrontos importantes nas duas frentes que ele tem. Ele não tem a Copa do Brasil, então ele tem duas semanas para treinar, isso o Atlético-MG não tem", completa.

O jornalista afirma que a sequência do calendário, com jogos contra o São Paulo, o Fortaleza e o Atlético-MG podem ajudar para que o time palmeirense se coloque em situação mais confortável na liderança e aponta o fator de opções para diferentes posições como algo que joga a favor em relação aos rivais.

"Se ele conseguir aproveitar bem essas duas semanas de preparação, recuperação dos jogadores e nesses confrontos diretos contra Fortaleza e Atlético-MG conseguir uma vantagem importante, ele já tem uma vantagem na liderança do campeonato, pode ser um momento decisivo do campeonato para o Palmeiras. Bem aproveitado, pode significar isso", diz Arnaldo.

"É um time diferente de todos os outros, eu comparo essa semana a relação da perda de um titular e da reposição. O Palmeiras está perdendo o Viña para a Roma, contrata dois laterais esquerdos. Contrata o Jorge e o lateral esquerdo do Peñarol, o que se adaptar melhor, um é mais ofensivo e o outro é mais defensivo, 'vamos trazer dois de uma vez só'. Esse é o Palmeiras, ele não tem o Gabigol, não tem o Bruno Henrique, não tem o Hulk, mas ele tem três ou quatro opções por posição e isso nos pontos corridos é mais importante do que você ter um craque, essa é a questão. O Palmeiras não é dependente de ninguém", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter).

A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts. Você pode ouvir, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e Youtube --neste último, também em vídeo. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Futebol