PUBLICIDADE
Topo

Podcast

UOL Corinthians

O podcast para os torcedores do timão


ANÁLISE

Texto baseado no relato de acontecimentos, mas contextualizado a partir do conhecimento do jornalista sobre o tema; pode incluir interpretações do jornalista sobre os fatos.

UOL Corinthians #17: Timão não lidou bem com polêmica com Jô

Do UOL, em São Paulo

22/06/2021 16h00

Jô ficou no centro de uma polêmica por conta da cor da chuteira utilizada no empate sem gols com o Bahia no domingo (20), pelo Brasileirão. Vários torcedores acharam que o calçado era verde, ligado ao Palmeiras, e criticaram o atacante. O Corinthians advertiu o jogador e anunciou que o multaria. Jô se defendeu e disse que a chuteira era azul turquesa.

No podcast UOL Corinthians #17 (ouça na íntegra no episódio acima), o apresentador Pedro Lopes, o colunista Ricardo Perrone e o setorista Yago Rudá discutiram a repercussão em torno do episódio, e consideraram que o clube não lidou bem com o caso.

"Eu até entendo que a diretoria queira respeitar o torcedor. O que não encaixa nessa história é que o Corinthians apresentou uma nota muito econômica e não se explicou. Ficou um monte de dúvidas. Se o Corinthians quer levar isso tão a sério, tem que colocar no contrato. Tinha essa previsão? Se tinha, havia um funcionário encarregado de ver antes? O Corinthians não lidou bem com a história", avaliou Perrone.

Para Rudá, não faz sentido aplicar uma multa ao atacante por algo que não está previsto em qualquer regimento do clube."Tem um problema grande nessa questão da multa. Não tem nada no estatuto do Corinthians que proíba a cor verde, nem no contrato do jogador. Se o clube se sente mal em ver o atleta jogando com a cor verde, o clube deveria avisá-lo. Acho legal essa rivalidade, mas multar o Jô não tem fundamento algum", opinou.

Após a polêmica do domingo, o repórter conversou com alguns ex-jogadores do Corinthians e lhes perguntou se, na época deles, havia alguma orientação sobre o veto ao uso da cor verde. "O Marcelinho Carioca disse que, quando jogava no Corinthians, tinha um carro verde musgo e ninguém reclamava porque era o grande jogador do time. Segundo ele, criou-se essa polêmica porque o time está ma e o Jô também", contou Rudá.

"A impressão que eu fico é que o Corinthians reagiu à pressão da torcida. A diretoria já estava pressionada pelo protesto que aconteceu no sábado. Aí tem uma história dessa e ela quer dar uma resposta de qualquer jeito. Acho que respondeu mal. A Nike falou que é azul turquesa. Qual parâmetro o Corinthians usou para decretar que era verde?", finalizou.

Ouça o podcast UOL Corinthians e confira também o debate sobre os recentes protestos das torcidas organizadas do clube.

Os podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts e em todas as plataformas de distribuição de áudio. Você pode ouvir UOL Corinthians, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e YouTube.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL