PUBLICIDADE
Topo

Futebol

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Mauro Cezar: O Corinthians tem muitos problemas e o Jô ainda apronta essa?

Do UOL, em São Paulo

22/06/2021 04h00

O atacante Jô voltou a ser assunto no Corinthians não por gols marcados, mas por uma polêmica com a chuteira utilizada no jogo contra o Bahia, no empate em 0 a 0, quando torcedores corintianos reclamaram da cor verde, a do rival Palmeiras, e a própria diretoria do clube decidiu multar o jogador, que negou a utilização do material verde, alegando que a cor seria azul turquesa.

No podcast Posse de Bola #136, Mauro Cezar Pereira afirma que foi um vacilo inaceitável do jogador, até pelo fato de ele ter sido revelado na base do clube alvinegro e ter toda a história que construiu jogando pelo Corinthians.

"É uma grande tolice. De novo, o Corinthians tem muitos problemas, o time vinha de uma derrota e aí um dos jogadores mais experientes do elenco, que aliás, tecnicamente não se justifica no elenco com um contrato longo, uma coisa que a gente falou na época e está aí. Por que um contrato longo com o Jô? O que explica esse contrato com o Jô? Trazê-lo do Japão, como foi feito no ano passado, e firmar com ele um longo compromisso. Um jogador já veterano. E aí o cara me apronta essa? Realmente é demais", diz Mauro Cezar.

"É claro que o torcedor não gosta e está muito certo de não gostar, porque os corintianos em geral nem usam camisa verde, tênis verde, meia verde, cueca verde, sapato verde, nada verde. O cara não usa verde, eu conheço vários assim. Atleticano não usa azul, só calça jeans, mas camisa azul, calção azul, meia azul não usa por conta do Cruzeiro e é assim que funciona, os torcedores do Racing não usam vermelho por conta do Independiente e é assim no mundo todo. Aí o Jô me resolve aparecer com a chuteira da cor do Palmeiras e ainda fala que é azul turquesa? Faça-me um favor, é um negócio infantil até, bobo, que vacilo", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter).

A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts. Você pode ouvir, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e Youtube --neste último, também em vídeo. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Futebol